Ford Ranger HEX 6×6 – Modificação viraliza com eixo extra e super capacidade de carga

A Ford Ranger HEX 6×6 viralizou ao apresentar modificações que aumentam 4 vezes a capacidade de carga útil, comparando com…

Publicado por
11:34 - 25/09/2023

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Ford Ranger HEX 6x6 - Foto: Divulgação

Ford Ranger HEX 6x6 - Foto: Divulgação

A Ford Ranger HEX 6×6 viralizou ao apresentar modificações que aumentam 4 vezes a capacidade de carga útil, comparando com o modelo original. A empresa inglesa Ricardo criou o sistema HEX, acrescentando um eixo extra que aumentou a capacidade de carga e de tração. Enquanto a picape original movida a gasolina no mercado americano pode carregar até 864kg, a modificada leva até 3.800 kg. Esses números superam com folga até mesmo a queridinha dos americanos, a F-150 com seus 1.508 kg.

As modificações da Ford Ranger HEX 6×6

A conversão do modelo original que fez nascer a Ford Ranger 6×6 tem suspensão traseira De Deion que, segundo a Ricardo, é mais eficiente em termos de peso e robustez. O ponto positivo da modificação é a possibilidade de desacoplar a suspensão e os sistemas de acionamento, permitindo flexibilidade. Há também uma variante com preço menor, uma 6×4 onde o terceiro eixo não oferece tração, mas não compromete a capacidade de carga.

Ford Ranger HEX 6x6 - Foto: Divulgação

Ford Ranger HEX 6×6 – Foto: Divulgação

Como motorização híbrida, a Ford Ranger 6×6 combina o motor diesel V6 de 250cv de potência com um motor elétrico de 282cv de potência, e a frenagem regenerativa alimenta a bateria nas desacelerações. A potência extra do motor elétrico ajuda a compensar o aumento de capacidade de carga.

O kit de transformação da versão normal para a Ford Ranger HEX 6×6  é simples e com manutenção descomplicada, pois a Ricardo concentrou em um único compartimento todos os componentes de alta tensão. Além disso, o kit é apenas uma atualização, e não obriga nenhuma alteração na picape, sendo possível remover o sistema e instalá-lo em um veículo diferente sem comprometer a integridade original da Ranger.

Leia também – Novo Volkswagem T-Cross 2024 deve chegar ao Brasil em breve.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp