Ministro critica STF e diz que não se pode ‘silenciar liberdades’

0
209
Foto: Marcello Casal Jr / Agência Brasil

O ministro da Secretaria de Governo, Santos Cruz, considera que o inquérito aberto pelo Supremo Tribunal Federal (STF) para apurar as supostas ameaças a ministros da Corte segue o mesmo “princípio” e “motivações semelhantes” à censura imposta a sites de notícias pelo ministro Alexandre de Moraes, que já foi revogada.

Em relação à censura determinada a sites de notícias, o ministro afirmou que é a favor da total liberdade de imprensa e é contra censura. “Não se pode silenciar liberdades”, disse.

Sobre o inquérito do STF, o ministro deixou claro que fala como “leigo”, que não conhece tecnicamente o que está sendo investigado, mas que, em sua opinião, se algo que está sendo investigado não for comprovado, quem acusou precisa ser “responsabilizado”.

LEAVE A REPLY