Veja a forma correta para limpar estofados e almofadas após uma enchente

A jornada para limpar estofados e almofadas após uma enchente é árdua tanto física quanto psicologicamente. As inundações podem causar estragos…

Publicado por
10:55 - 27/05/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Veja a forma correta para limpar estofados e almofadas

Foto: Freepik

A jornada para limpar estofados e almofadas após uma enchente é árdua tanto física quanto psicologicamente. As inundações podem causar estragos consideráveis em sua casa, incluindo nos seus móveis. Estofados e almofadas, em especial, são bastante suscetíveis a danos por água e mofo, pois são materiais absorventes que retém a umidade por longos períodos. Se sua casa foi afetada por uma enchente, é crucial limpá-los e desinfetá-los o mais rápido possível para evitar o crescimento de mofo e outros problemas de saúde.

Materiais para limpar estofados e almofadas:

  • Luvas de borracha: para proteger suas mãos da sujeira e produtos químicos.
  • Máscara: para evitar inalar poeira e mofo.
  • Óculos de proteção: para proteger seus olhos de respingos de água e produtos químicos.
  • Balde: para preparar soluções de limpeza.
  • Água morna: para dissolver o sabão e remover a sujeira.
  • Sabão líquido: para limpar os estofados e almofadas.
  • Vinagre branco: para desinfetar e eliminar odores.
  • Esponja ou pano macio: para esfregar os estofados e almofadas sem danificá-los.
  • Aspirador de pó: para remover poeira, sujeira e mofo úmido.
  • Ventilador: para auxiliar na secagem dos estofados e almofadas.
  • Desumidificador (opcional): para remover a umidade do ar e acelerar o processo de secagem.
Veja a forma correta para limpar estofados e almofadas

Foto: Freepik

Passos para limpar estofados:

  1. Remova as almofadas e outros itens soltos do estofado. Isso facilitará a limpeza e evitará que os itens fiquem molhados ou danificados.
  2. Aspire o estofado para remover toda a poeira, sujeira e lama. Utilize o bocal adequado para estofados para alcançar cantos e fendas.
  3. Prepare uma solução de limpeza com água morna e sabão líquido. A proporção ideal é de 10 partes de água para 1 parte de sabão.
  4. Umedeça a esponja ou pano macio na solução de limpeza e torça para remover o excesso de água. Não encharque o estofado, pois isso pode danificá-lo.
  5. Esfregue o estofado com a esponja ou pano úmido, concentrando-se nas áreas mais sujas. Preste atenção em costuras, dobras e cantos.
  6. Enxágue a esponja ou pano com água limpa e repita o processo de esfregar e enxaguar até remover toda a sujeira e sabão. É importante remover todo o sabão, pois ele pode atrair mofo.
  7. Seque o estofado ao ar livre. Se possível, coloque o estofado em um local ensolarado e ventilado para secar naturalmente. Utilize um ventilador para auxiliar na secagem, se necessário.
  8. Verifique se há mofo. Após o estofado estar completamente seco, inspecione-o cuidadosamente para verificar se há sinais de mofo. Se encontrar mofo, prepare uma solução de vinagre branco e água (uma parte de vinagre para três partes de água). Aplique a solução na área mofada com um borrifador, deixe agir por 10 minutos e depois esfregue com uma escova macia. Enxágue com água limpa e seque bem.
  9. Repita as etapas 3 a 8, se necessário. Se o estofado ainda estiver sujo ou úmido, repita as etapas de limpeza e secagem até que esteja completamente limpo e seco.

Passos para limpar almofadas:

  1. Remova a capa da almofada, se possível. Lave a capa com água quente e sabão na máquina de lavar.
  2. Se a almofada não tiver capa removível, aspire-a para remover toda a poeira, sujeira e mofo. Utilize o bocal adequado para almofadas para alcançar todos os cantos.
  3. Prepare uma solução de limpeza com água morna e sabão líquido. A proporção ideal é de 10 partes de água para 1 parte de sabão.
  4. Umedeça a esponja ou pano macio na solução de limpeza e torça para remover o excesso de água. Não encharque o estofado, pois isso pode danificá-lo.
  5. Esfregue o estofado com a esponja ou pano úmido, concentrando-se nas áreas mais sujas. Preste atenção em costuras, dobras e cantos.
  6. Enxágue a esponja ou pano com água limpa e repita o processo de esfregar e enxaguar até remover toda a sujeira e sabão. É importante remover todo o sabão, pois ele pode atrair mofo.
  7. Seque o estofado ao ar livre. Se possível, coloque o estofado em um local ensolarado e ventilado para secar naturalmente. Utilize um ventilador para auxiliar na secagem, se necessário.
  8. Verifique se há mofo. Após o estofado estar completamente seco, inspecione-o cuidadosamente para verificar se há sinais de mofo. Se encontrar mofo, prepare uma solução de vinagre branco e água (uma parte de vinagre para três partes de água). Aplique a solução na área mofada com um borrifador, deixe agir por 10 minutos e depois esfregue com uma escova macia. Enxágue com água limpa e seque bem.
  9. Repita as etapas 3 a 8, se necessário. Se o estofado ainda estiver sujo ou úmido, repita as etapas de limpeza e secagem até que esteja completamente limpo e seco.

Mesmo após a higienização, usar um estofado que passou por uma enchente ainda apresenta riscos à saúde e à qualidade do móvel.

Riscos à saúde:

  • Mofo e bactérias: Por serem materiais porosos, os estofados absorvem água e contaminantes com facilidade. Mesmo após a higienização, resquícios de mofo, bactérias e outros micro-organismos podem permanecer no interior do estofado, invisíveis a olho nu. O contato com esses agentes pode causar problemas respiratórios, alergias, doenças de pele e outros problemas de saúde, especialmente para pessoas com sistemas imunológicos fragilizados, como crianças, idosos e pessoas com doenças crônicas.
  • Toxinas: A água da enchente pode conter diversos tipos de toxinas, como produtos químicos, esgoto e outros contaminantes. Se o estofado não for higienizado de forma adequada, essas toxinas podem permanecer no material e serem liberadas no ar, causando problemas respiratórios, náuseas, tonturas e outros sintomas.

Lidar com os estragos causados por uma enchente pode ser um processo desafiador e trabalhoso. No entanto, ao seguir as etapas descritas neste artigo e tomar as precauções necessárias, você poderá limpar e desinfetar seus estofados e almofadas de forma eficaz, minimizando os danos aos seus móveis e protegendo a saúde de sua família.

Clique aqui para mais artigos

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp