Foragido da justiça é preso por estupro de vulnerável em Caxias do Sul

Na manhã desta quinta-feira (22), a Polícia Civil, por meio da DRACO, prendeu um homem, de 58 anos, que estava…

Publicado por
18:21 - 22/09/2022

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Foragido da justiça é preso por estupro de vulnerável em Caxias do Sul

(Foto: DRACO / Divulgação)

Na manhã desta quinta-feira (22), a Polícia Civil, por meio da DRACO, prendeu um homem, de 58 anos, que estava foragido por estupro de vulnerável. A prisão ocorreu no bairro Esplanada, em Caxias do Sul.

Durante patrulhamento, os agentes da DRACO conseguiram descobrir onde o indivíduo estava escondido, e assim, conseguiram efetuar a prisão do mesmo. De acordo com a PC, o homem possuía mandado de prisão preventiva expedida pela 3º Vara Criminal de Caxias do Sul.

Após os procedimentos legais, o foragido foi encaminhado ao sistema prisional e ficará a disposição da justiça.

Confira também no Portal Leouve 

A Polícia Civil de Garibaldi elucidou o homicídio ocorrido dentro da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Beneficente São Pedro (HBSP) em 15 de agosto de 2022. Em uma coletiva de imprensa realizada no galpão junto a DP do município, o delegado Clóvis Rodrigues de Souza explicou o desenvolvimento das investigações e os resultados alcançados. Segundo o delegado o autor do crime foi Moises Pereira da Veiga.

Conforme explanação, o homicídio ocorrido dentro da UTI tem relação com outro crime que aconteceu em nove de agosto de 2022. Nesta data Paulo Reuhs, 56 anos, foi executado em sua residência, na rua Jacarandá, bairro Bela Vista I. Segundo a investigação, o autor do homicídio de Reuhs foi Rodrigo da Silva, 26 anos. Este por sua vez foi a vítima do assassinato ocorrido dentro do hospital.

Entenda o caso:

Por volta das 21h do dia nove de agosto, Rodrigo da Silva, se dirige até a casa de um desafeto. Este homem, identificado como Moises Pereira da Veiga, não estava no local. Na residência se encontrava sua filha menor de idade e Paulo Reuhs, que também residia ali. Ao não encontrar com Moises, Rodrigo teria atentado contra a filha. Reuhs percebeu a ação e se colocou a frente da menor sendo morto em seu lugar.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp