Relatório da Meta teme pela vida de Mark Zukerberg

O relatório financeiro da Meta, divulgado anualmente, destacou algo inusitado para os investidores e analistas de mercado, e o foco…

Publicado por
11:33 - 08/02/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Mark Zukenberg

O relatório financeiro da Meta, divulgado anualmente, destacou algo inusitado para os investidores e analistas de mercado, e o foco está no estilo de vida do Mark Zukerberg e outros diretores da companhia. Eles tem dedicado cada vez mais tempo com hobbies que envolvem praticas consideradas de alto risco como aviação, esportes radicais e de luta. A partir desta constatação, o relatório aponta que isso pode causar a morte do Zukerberg e de outros membros da direção executiva.

O relatório cita que a preocupação com o estilo de vida dos executivos é maior do que apenas preservar a saúde e segurança de Mark Zukerberg, mas deixa registrado de forma explícita que em uma eventual ausência do famoso CEO, independente do motivo, poderia resultar em um “impacto material adverso às operações da empresa”.

Meta e Mark Zukerberg - Foto: Freepik

Foto: Freepik

O documento também destaca a importância de outras figuras-chave na estrutura organizacional da Meta, como membros da gestão e profissionais em áreas como engenharia e marketing. A perda de qualquer um desses profissionais também poderia desestabilizar a empresa, que já demitiu cerca de 67.000 funcionários nos últimos anos.

As predileções de Zuckerberg por atividades de risco, como o agendamento de um confronto físico com Elon Musk em 2023, aumentam as incertezas sobre o futuro da Meta. Curiosamente, o valor das ações da empresa subiu após a divulgação do alerta, contrariando expectativas de um impacto negativo.

 Clique aqui para mais notícias

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp