As chuvas dos últimos dias trouxeram antigos problemas para os motoristas que passam pela ERS-122, entre Farroupilha e Caxias do Sul e também no trecho que liga Farroupilha a São Vendelino. Diversos e enormes buracos reabriram e trouxeram transtornos e prejuízos aos condutores que passam pelas rodovias. Na noite da quinta-feira (19), por volta das 21h, na altura do quilômetro 56, nas proximidades de Nova Milano, aos menos seis condutores estavam parados trocando os pneus.
Um deles era o vendedor, Thomás Almeida, de 29 anos. Ele furou um pneu e quebrou uma roda no local. Almeida relatou que viaja ao menos duas vezes por semana e que nos últimos dias a situação piorou muito.
"Sai para viajar a dois dias atrás e o buraco não era tão grande, ontem, quando voltava já estava muito pior. Tanto que não consegui desviar. A situação está muito ruim, a falta de cuidado do governo com as estradas é muito preocupante. Eu e quem estava no local acionamos a Polícia Rodoviária Estadual, que foi até o local para sinalizar, mas nesse tempo, mais carros caíram no buraco", disse
Foto: Divulgação/Thomás Almeida
Já no trecho entre Caxias do Sul e Farroupilha, que passou por obras de recuperação, feitas pela prefeitura, em parceria com o Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), em maio deste ano, a situação não está diferente.
A representante comercial, Marli Bassanesi, moradora de Caxias do Sul e que utiliza a via ao menos três vezes por semana, teve o pneu a roda de sua caminhonete danificados na mesma noite. Ela trafegada no sentido Farroupilha a Caxias do Sul quando caiu em um buraco no trecho urbano da primeira cidade.
Marli relatou que ao acionar o seguro de seu carro, precisou esperar cerca de duas horas para ser atendida. O motivo: as equipes da seguradora estavam atendendo a outros casos idênticos ao dela.
"Cada vez que chove, ou que tem neblina a situação fica muito ruim. O lado direito da rodovia é o pior, os buracos assustam e não podemos ficar trocando de pista a todo momento pelo risco de acidentes. Precisei aguardar muito tempo até o resgate chegar por conta dos atendimentos a outros casos de pneus e carros danificados", disse.
A prefeitura de Farroupilha diz que manutenções são feitas no trecho onde as obras foram realizadas, mas que o mau tempo contribui para a não realização dos trabalhos.
Já o Daer realiza trabalhos de recuperação asfáltica na ERS-122. os trabalhos estão concentrados na serra entre Nova Milano e São Vendelino, nas proximidades da Curva da Morte. Não há previsão de quando eles serão feitos no trecho mais alto da rodovia.
Confira um vídeo gravado por um dos motoristas que teve problemas na noite da quinta-feira: