Tudo sobre Poodle: uma raça ideal para criar em apartamentos

O Poodle é uma raça de cães originária da Alemanha, mas que foi reivindicada pela França como sendo de origem…

Publicado por
17:07 - 28/11/2023

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Tudo sobre Poodle

O Poodle é uma raça de cães originária da Alemanha, mas que foi reivindicada pela França como sendo de origem local. Originalmente, era utilizado como cão de caça a aves aquáticas, devido à sua pelagem densa e impermeável. Com o passar do tempo, tornou-se um cão de companhia e de exibição, sendo reconhecido pelo seu temperamento dócil, inteligência e elegância.

Características do Poodle

Os Poodles podem ser encontrados em quatro portes: Toy, Miniatura, Médio e Grande. Possuem pelagem encaracolada, que pode ser de várias cores, como preto, branco, marrom, cinza, abricó e fulvo avermelhado. O Poodle é um cão de temperamento alegre, brincalhão e muito inteligente. É fácil de treinar e aprende rapidamente comandos simples e complexos. É também um cão muito sociável, adorando a companhia de humanos e outros animais.

Tudo sobre Poodle

Os Poodles são cães muito ativos e precisam de exercícios regulares. No entanto, eles também se adaptam bem à vida em apartamentos, desde que sejam estimulados física e mentalmente. Para isso, é importante oferecer passeios diários, brincadeiras e atividades que o mantenham ocupado. Também é importante escovar a pelagem do cão regularmente, para evitar nós e emaranhamentos.

Alimentação 

Os Poodles são cães com um metabolismo acelerado, por isso precisam de uma alimentação rica em nutrientes e equilibrada. A dieta ideal para um Poodle deve incluir alimentos de alta qualidade, como rações e petiscos específicos para a raça. É importante evitar oferecer ao Poodle alimentos gordurosos, doces e industrializados, pois podem causar problemas de saúde.

Eles são cães de saúde relativamente boa, mas podem apresentar alguns problemas de saúde, como displasia coxofemoral, catarata e alergias. Para manter o Poodle saudável, é importante levá-lo ao veterinário regularmente para exames de rotina. Também é importante manter o cão vacinado e vermifugado.

Clique  aqui para mais notícias

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp