Consulado-Geral da Itália em Porto Alegre assinala 2023 de recordes

Valerio Caruso,Cônsul Geral. trouxe gestão arrojada, que fecha 2023 com número histórico na emissão de passaportes

Publicado por
17:03 - 18/12/2023

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Consulado-Geral da Itália

Consul Caruso. Crédito Leandro Araujo

O Cônsulado-Geral da Itália em Porto Alegre, desde agosto de 2022  tem em Valerio Caruso o gestor que  olha em retrospectiva para o trabalho realizado e se diz motivado para fazer mais em 2024, ano que antecede as comemorações do sesquicentenário da imigração italiana no Rio Grande do Sul. Desta forma o Cônsul-Geral quer ampliar os laços com as comunidades ítalo-gaúchas e consolidar os processos que otimizaram os serviços.

Ao longo de 2023, após um trabalho de requalificação no atendimento da Representação Consular, o órgão assinala recorde histórico na expedição de passaportes, com mais de 13 mil documentos emitidos. São em media 1,1 mil passaportes mensais, um número cinco vezes superior ao da época da chegada de Caruso ao posto, em agosto de 2022.

Desde então, o diplomata de 34 anos dedicou-se a fortalecer o capital humano do órgão. Instalou um call center para dirimir dúvidas e adiantar serviços, promoveu o processo de digitalização de todos os documentos do arquivo consular, realizou concursos para admissão de seis novos funcionários, aumentando a equipe em 50%. Com o time reforçado, os serviços foram desburocratizados, ganhando celeridade também com a implementação de mais recursos tecnológicos. Um equipamento para coletar a biometria remotamente ajudou a acelerar os processos relacionados à emissão de passaportes, por exemplo. “Sou um prefeito de uma comunidade de cerca de 120 mil cidadãos que merecem respeito e qualidade nos serviços”, diz o Cônsul-Geral, citando a população gaúcha com dupla nacionalidade.

O Cônsulado-Geral também aumentou o número de novas cidadanias reconhecidas por direito de sangue e por casamento. Somente neste ano, foram reconhecidos cerca de 4 mil novos cidadãos, com um aumento de 77% referente ao ano anterior; porém, ainda a fila é enorme, levando em conta que um terço da população do Rio Grande do Sul tem origem italiana (ou seja, 4,5 milhões de gaúchos). “Estamos orgulhosos dos resultados que obtivemos. Evoluímos muito neste ano e vamos seguir assim em 2024”, garante Caruso.

Caruso tambéml percorreu o interior do Rio Grande do Sul para fomentar o relacionamento comunitário. Em maio, descentralizando o serviço de emissão de passaportes por meio da biometria, lançou o projeto “Andiamo” com a ajuda das várias representações honorárias italianas distribuídas no interior do Estado. O projeto passou por Farroupilha, Carlos Barbosa, Bento Gonçalves, Santa Maria, Passo Fundo e Erechim. Outra importante ação neste sentido foi a instalação permanente do serviço biométrico no Consulado Honorário Italiano de Caxias do Sul.

Entre as importantes inovações promovidas está, também, a possibilidade de que empresas interessadas em patrocinar os eventos culturais promovidos pela instituição ao longo de 2024 apresentem suas propostas via edital publicado no site do Consulado-Geral. “Vamos começar o ano da mesma forma que estamos encerrando este: felizes por fazer a Itália cada vez mais presente e forte no Rio Grande do Sul”, diz Caruso.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp