Apostas online – Pesquisa mostra dados sobre a regulamentação.

A plataforma Playtech revelou estudo que mostra a preocupação dos apostadores com a regulamentação das apostas online. O estudo com…

Publicado por
19:45 - 02/10/2023

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Regulamentação das apostas online

A plataforma Playtech revelou estudo que mostra a preocupação dos apostadores com a regulamentação das apostas online. O estudo com dados de 2022 entrevistou 2500 pessoas com idade legal para fazer apostas, em países como Brasil, Argentina, Colômbia, Peru e Chile. Os dados da pesquisa mostram que 60% dos brasileiros afirmaram ter feito algum tipo de aposta online nos seis meses anteriores.

Regulamentação das apostas online

De todos os países entrevistados, o Brasil foi o que mostrou maior preocupação com a regulamentação das apostas online, resultando em uma “aposta responsável”, mediante uma empresa confiável e com site legalizado. No Brasil, está em discussão uma Medida Provisória que trata do assunto:

“A importância da regulamentação e do jogo responsável na indústria de apostas esportivas está se tornando mais evidente a cada dia. Através dos nossos esforços de regulamentação do setor, e com a implementação efetiva de fortes práticas de jogo responsável, os apostadores poderão experimentar uma relação saudável, socialmente responsável e com a devida proteção, de forma que quaisquer riscos residuais indesejáveis do jogo sejam removidos, transformando a experiência em algo realmente prazeroso. Vejo a regulamentação e o jogo responsável como os caminhos que manterão este setor atualizado, inovador e focado no apostador, diante dos inúmeros desafios que as novas tecnologias colocarão a todos nós, players desta indústria única.” José Francisco Manssur, assessor especial da Secretaria Executiva do Ministério da Fazenda.

Regulamentação das apostas online

Apenas 10% dos entrevistados de todos os países, acreditam que seus governos lidam de forma abrangente os potenciais riscos das apostas online. Esse índice de incerteza quanto a atuação do governo é ainda maior no Brasil, com 14% da população. Por aqui, 37% entende que o Governo Federal deveria atuar mais neste setor, enquanto 37% dos apostadores entende que o Governo deveria oferecer mais segurança ao processo de apostas.

 

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp