Após avaliação do Daer e Samae, Rota do Sol é bloqueada parcialmente próximo ao Sistema Marrecas, em Caxias do Sul

Ação visa assegurar o local por haver riscos de novos deslizamentos. O trecho compreende o km 158, em Vila Seca

Publicado por
13:45 - 17/05/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

(Foto: Ricardo Finco)

Técnicos do Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) e do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer) avaliaram e decidiram interditar parcialmente a Rota do Sol (RSC-453), nas proximidades do Sistema Marrecas, em Caxias do Sul. A inspeção conjunta ocorreu na manhã desta sexta (17) e perdurou ao longo da tarde. A ação compreende o quilômetro 158 da rodovia, em Vila Seca.

De acordo com informações fornecidas pelo Daer, os especialistas das duas entidades examinaram a situação no local para determinar a necessidade da demanda, optando por interdição parcial, visto que ainda há risco de deslizamentos. A situação na localidade permanece sendo monitorada pelos técnicos e, caso haja evolução no deslocamento de terra, haverá interdição total do trecho por segurança.

No trecho já houve queda de barreira na última semana, que ocasionou o rompimento da adutora do Sistema Marrecas. A Rota do Sol é um importante trajeto entre a Serra e o Litoral.

Abastecimento

Os serviços de implantação de uma rede adutora de 600 mm foram iniciados na Rota do Sol, no lado oposto à área afetada pelos deslizamentos, conforme o Samae. A medida visa garantir o abastecimento dos bairros abrangidos pelo Sistema Marrecas, além disso, estão sendo realizados ações para mitigar os efeitos da instabilidade do talude como a colocação de rachões.

A autarquia também adotará a médio e longo prazo a realização de uma obra de implantação de uma nova rede adutora de 600 milímetros que interligará os Sistemas Marrecas e Faxinal. Também está sendo implantando uma rede de monitoramento, em tempo real, para acompanhar o movimento de ruptura da área e a evolução do terreno. Esse monitoramento também servirá para maior segurança dos técnicos e dos servidores que estão trabalhando no local.

Fotos: Garden Engenharia/Divulgação

Leia também: 

Eletrobras garante que não haverá corte de energia elétrica em caso de queda da torre em Caxias do Sul

 

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp