Renato lamenta rendimento abaixo do Grêmio diante do Goiás: “Equipe não esteve bem”

Time perdeu oportunidade de voltar ao segundo lugar na tabela

Publicado por
08:27 - 31/07/2023

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
GRÊMIO RENATO

Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

O Grêmio tropeçou na 17ª rodada do Brasileirão. A equipe contava com a vitória fora de casa diante do Goiás para voltar à segunda colocação da competição. Mesmo tendo mais volume de jogo, o time gaúcho não conseguiu abrir o placar e viu os donos da casa inaugurarem o marcador com Matheus Babi.

Antes que o resultado fosse uma derrota, já nos acréscimos André Henrique conseguiu colocar a bola na rede para igualar o placar. Final em 1×1 e quarta colocação na tabela para o time que está com 30 pontos.

Técnico do Grêmio, Renato Portaluppi compareceu depois do jogo para a tradicional entrevista coletiva. Ele ressaltou que seus atletas não estiveram bem ao longo dos 90 minutos:

“A equipe hoje não esteve bem. Muito abaixo do que a gente pode render. Não é desculpa, mas sábado nós tivemos uma decisão contra o Atlético-MG, na quarta-feira nós tivemos outra decisão contra o Flamengo, enquanto que o Goiás não teve nenhum jogo durante a semana e além de tudo, muitos desfalques. Não é desculpa, mas o entrosamento nunca é o mesmo”. Renato não contou com Kannemann, Reinaldo, Carballo e Cristaldo.

Sobre as ações da partida, ele falou da valorização da posse de bola nos primeiros 45 minutos e ter acordado depois do gol do adversário:

“No primeiro tempo a gente valorizou muito a posse de bola dentro do nosso campo, não saímos tanto para jogar e essa não era hora. No segundo tempo o Goiás cresceu, pressionou, conseguiram fazer um gol e ai digamos que a equipe tenha acordado um pouquinho. Chegamos ao gol de empate, mas bem aquém daquilo que a gente possa apresentar”, enfatizou.

Ainda sobre o gol de Matheus Babi, após cruzamento na área, Renato demonstrou incômodo e indagou que os atletas necessitam conversar sobre algumas situações do jogo, já que Babi é um atleta alto e estava sendo marcado por Villasanti:

“É uma coisa bem complicada porque o jogador mais alto deles (Matheus Babi) quem estava bloqueando era o Villa (Villasanti), e eu estava com três zagueiros em campo. Eles precisam conversar dentro do campo, se entender. O cara mais alto deles, encosta um zagueiro nosso. Temos tomado alguns gols de bobeira, mas essa cobrança eles vão ter comigo”, garantiu Renato.

Na tabela a equipe está na quarta colocação, com 30 pontos. O próximo compromisso da equipe Tricolor será no domingo (6), quando no São Januário enfrenta o Vasco, a partir das 16h.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp