Quase 300 mil famílias recorrem ao Auxílio Reconstrução no Rio Grande do Sul

Ministro da Reconstrução, Paulo Pimenta, afirmou que 274 mil famílias já receberam o recurso emergencial

Publicado por
08:45 - 08/07/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Quase 300 mil famílias recorrem ao Auxílio Reconstrução no Rio Grande do Sul

Foto: Mauricio Tonetto/Secom

O ministro-chefe da Secretaria Extraordinária de Apoio à Reconstrução do Rio Grande do Sul, Paulo Pimenta, informou que o governo federal já pagou para 274 mil famílias gaúchas o Auxílio Reconstrução, após as enchentes que assolaram o Estado entre abril e maio.

Esses recursos vão ajudar para que as pessoas possam recomeçar”, disse Pimenta, durante discurso em cerimônia de entrega de máquinas agrícolas em Porto Alegre na sexta-feira. As máquinas são provenientes de emendas parlamentares e liberadas pelo Ministério da Agricultura. No total, 34 municípios serão atendidos com os equipamentos.

Pimenta, que é gaúcho de Santa Maria, informou também que o governo federal autorizou o saque antecipado do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) pelos gaúchos, e que “mais de 1 milhão” deles já fizeram o saque.

Citou, ainda, entre outras iniciativas, que o governo federal adiou por 36 meses o pagamento da dívida do Rio Grande do Sul, que soma R$ 280 milhões por mês. “Estamos na segunda parcela, ou seja, já são R$ 560 milhões disponíveis que serão destinados ao fundo de reconstrução do Estado.”

Ele disse também que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva não cobrará os juros da dívida, o que significará mais R$ 11 milhões para o fundo de reconstrução gaúcho. O desastre climático afeta a economia de todo o País. A produção industrial brasileira recuou 0,9% em relação a abril, com perdas em 16 das 25 atividades investigadas, segundo a Pesquisa Industrial Mensal: Produção Física, do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

*Fonte: O Sul

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp