Prefeitura de Caxias do Sul divulga orientações sobre vacinação contra poliomielite

Devido ao estado de calamidade, neste momento o Rio Grande do Sul, em concordância com o Ministério da Saúde não aderiu à campanha de reforço

Publicado por
18:06 - 28/05/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

Foto: João Pedro Bressan

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de Caxias do Sul, informou que, devido à situação de calamidade provocada pelas fortes chuvas, o Rio Grande do Sul não aderiu à campanha de reforço contra a poliomielite. Esta decisão está em concordância com as orientações do Ministério da Saúde.

Situação da Campanha de Reforço

Diante dos estragos causados pelas chuvas, as autoridades de saúde decidiram focar na manutenção das doses de rotina da vacina contra a poliomielite, garantindo que as crianças recebam a imunização básica necessária. Ainda não há uma definição de quando a campanha de reforço será iniciada no Estado.

Disponibilidade da Vacina

As vacinas de rotina contra a poliomielite estão disponíveis em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de Caxias do Sul, com exceção das UBSs Centenário e Mariani. Na UBS Vila Cristina, as vacinas são aplicadas mediante agendamento.

Esquema Vacinal para a Poliomielite

O esquema vacinal recomendado para a poliomielite inclui:

  • Dose injetável (VIP):
    • Primeira dose: aos 2 meses de idade
    • Segunda dose: aos 4 meses de idade
    • Terceira dose: aos 6 meses de idade
  • Dose oral (VOP):
    • Primeira dose de reforço: aos 15 meses de idade
    • Segunda dose de reforço: aos 4 anos de idade

Importância da Vacinação

Manter o esquema vacinal em dia é crucial para proteger as crianças contra a poliomielite, uma doença grave que pode causar paralisia permanente. A vacinação é a medida mais eficaz para prevenir surtos e garantir a saúde pública.

Acesso à Vacinação

Os pais e responsáveis são encorajados a levar seus filhos para as UBSs que estão aplicando as vacinas, seguindo o esquema vacinal recomendado. Aqueles que frequentam a UBS Vila Cristina devem agendar a vacinação previamente para garantir o atendimento.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp