Pesquisa da CDL Caxias revela que consumidor deve gastar cerca de R$ 700 com artigos de inverno

Levantamento também demonstra que 65% dos consumidores já comprou algum item para o frio este ano. Cartão de crédito é a forma de pagamento mais citada pelos entrevistados

Publicado por
11:09 - 21/06/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

Foto: Alencar Turella/CDL Caxias

A estatística da Câmara de Dirigentes Lojistas de Caixa do Sul (CDL Caxias) revela uma tendência de investimento 6,7% maior do que no ano passado. Com isso, o ticket médio pode chegar a R$ 712,85. Mais de 80% dos entrevistados também devem aproveitar também atividades gastronômicas e de lazer voltadas às baixas temperaturas. Conforme a pesquisa de intenção de compras, do total de entrevistados que pretende investir, 65,9% já adquiriram produtos para o inverno.

Ainda de acordo com o levantamento, os artigos com maior tendência de compra são o vestuário e acessórios (86,7%), calçados (63,1%) e cama e banho (46,2%), totalizando, em média, de quatro novos produtos por consumidor. A qualidade foi o argumento de 48,3% dos participantes como influência nas compras por produtos mais caros. Outros 19,4% indicaram mercadorias mais duráveis, 14,3% peças mais confortáveis e, para outros 7,9%, a pressa da compra por conta do frio.
Para os 32,3% dos respondentes que não pretendem realizar compras, os motivos ficam por conta de que não precisam de nada no momento (46,8%), outras prioridades (30,1%) e falta de dinheiro ou crédito (15,6%).

Estratégia do consumidor

Entre os entrevistados que pretendem comprar produtos voltados às baixas temperaturas, 64,9% afirmaram que pesquisam produtos e preços. Já 75,6% tendem a comprar os itens de inverno no comércio local, justamente por poder provar e levar os produtos na hora.
A busca direta nas lojas foi mencionada por 35,9%, oportunizando ao lojista a venda no momento. Outros 22,9% citaram sites de pesquisas, 22,4% sites de lojas e 9,1% o Instagram. Dos participantes da pesquisa, 48,9% disseram que as compras serão para si, 15,2% para filhos/enteados, 13,6% para o companheiro(a) e 13,2% para a casa.

Diferenciais

Um percentual de 32,9% dos consumidores de Caxias do Sul dizem que, entre os fatores decisivos para a escolha de produtos para o frio, o atendimento (atenção, ajuda na escolha e explicação sobre produtos). A qualidade (diversidade e diferenciação dos produtos) está em segundo lugar para 25,3%. Já as condições de pagamento são importantes para 23,3%, sendo que esse foi um fator que registrou acréscimo de 9,1% na comparação ao ano anterior.

Motivação

O levantamento da CDL Caxias mostra ainda que o frio é uma boa oportunidade para movimentar segmentos como o da gastronomia e do lazer. Mais de 80% dos entrevistados disseram que pretendem ou já fizeram algo diferente por conta do inverno. Destes, 71,9% ainda não decidiram o atrativo, 10,2% indicaram passeio, 6,8% almoço ou jantar em restaurantes, 6,2% almoço ou jantar diferenciado em casa e 4,9% viagem.

Formas de pagamento

O uso de cartão de crédito, pela possibilidade do parcelamento, é a principal forma de pagamento para 35,7% dos entrevistados. Dinheiro, Pix e cartão de débito vêm na sequência com 25,6%, 23,8% e 11,3%, respectivamente.

Dados quantitativos

Foram entrevistados 576 moradores de diferentes pontos da cidade, entre os dias 04 e 07 de junho de 2024. O levantamento tem índice de confiança de 95% e margem de erro de 5% para mais ou para menos.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp