Pelé será sepultado nesta terça em Santos; velório segue pela manhã

Milhares de pessoas encararam o sol e a fila para dar adeus ao Rei do Futebol

Publicado por
07:55 - 03/01/2023

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

(Foto: CARL DE SOUZA / AFP)

O velório de Pelé segue na manhã desta terça-feira (3) na Vila Belmiro. Os torcedores e fãs de todo o mundo podem se despedir do ex-jogador até as 10h da manhã. Depois, o corpo do Rei do Futebol será levado ao Memorial Necrópole Ecumênica, cemitério onde será sepultado.

A cerimônia de sepultamento, marcada para 12h, será restrita à família do jogador, sem a presença dos fãs e dos amigos de Pelé. O cemitério ficará fechado para a visitação na hora do sepultamento.

Antes disso, o cortejo percorrerá as ruas de Santos. O corpo deve passar, inclusive, próximo à casa de Dona Celeste, mãe de Pelé, que tem 100 anos de idade.

Pelé morreu na última quinta-feira (29), de falência múltipla de órgãos, após um câncer de cólon. O ex-jogador estava internado no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, desde o dia 29 de novembro.

O corpo do Rei do Futebol foi embalsamado e ficou no hospital até a madrugada de segunda-feira (2), quando foi levado para Santos. A chegada na Vila Belmiro aconteceu por volta de 3h55.

Milhares de fãs em filas

Milhares de pessoas encararam um calor de mais de 30ºC e filas que duraram até duas horas para ver Pelé nesta segunda-feira. Os filhos Edinho, Kelly, Jennifer, Joshua, Celeste e Flávia se revezaram ao lado do caixão.

Pelé também recebeu as visitas dos netos Octávio Felinto Neto e Gabriel Arantes do Nascimento, filhos de Sandra Regina, que o Rei não quis reconhecer como herdeira.

Personalidades do Santos e do futebol também prestaram homenagens a Pelé. O presidente da Fifa, Gianni Infantino, foi um dos primeiros a chegar ao velório. Ele afirmou que vai propor a todos os 211 países associados à entidade a darem a um estádio o nome de Pelé.

Já a discussão entre os ex-jogadores e dirigentes que foram à Vila foi se a camisa 10 do Santos deve ser aposentada, imortalizando assim a lembrança de Pelé na equipe.

Tarcísio de Freitas, governador de São Paulo, Ricardo Nunes, prefeito da Capital, e José Roberto de Paiva, prefeito de Três Corações, foram alguns dos políticos que prestaram condolências à família de Pelé. O presidente Lula é esperado no velório na manhã desta terça.

Fonte: Correio do Povo

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp