Pastor é preso por abusar sexualmente de suas filhas em Portão

Religioso também tem ocorrência contra ele por abuso em Estrela, no ano de 2007

Publicado por
17:39 - 24/08/2022

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Pastor é preso por abusar sexualmente de suas filhas em Portão

(Foto: Ilustração / Divulgação)

Um pastor evangélico, de 40 anos, foi preso nesta quarta-feira (24), no Bairro São Jorge, em Portão, por ser suspeito de ter abusado sexualmente de suas quatro filhas. O caso de violência familiar foi revelado pela Polícia Civil. As vítimas tem 17, 15, 12 e 11 anos de idade. Com a menina mais velha, o pastor tem um filho de 11 meses.

Ouvidas pela polícia, todas confirmaram o crime praticado pelo pai. Conforme a Polícia Civil, as investigações iniciaram a partir de uma denúncia que passou também pelo Conselho Tutelar. A prisão preventiva da esposa, mãe das vítimas do pastor, também foi solicitada à justiça, pois a mesma sabia dos estupros e teria se omitido.

Após passar por interrogatório, o pastor confessou ter abusado sexualmente apenas da filha de 17 anos de idade, sob a alegação de que era ela quem manifestava interesse na relação. Ele afirmou ainda ter certeza de que é o pai do filho da jovem, ou seja, pai e avô ao mesmo tempo. O pastor foi encaminhado ao sistema prisional. O líder evangélico possui antecedentes criminais por outros crimes de abuso sexual.

Em 2007, na cidade de Estrela, foi registrada uma ocorrência policial em que o homem foi acusado de ter agarrado uma moça. Antes disso, em 2002, no município de Humaitá, ele foi denunciado por ter abusado de uma menor de idade

Fonte: Rádio Independente

Confira também no Portal Leouve

A Polícia Civil prendeu em flagrante um homem de 28 anos por maus-tratos à sua avó, de 81 anos, no bairro Promorar, em Viamão, na Região Metropolitana de Porto Alegre.

Após receberem uma denúncia anônima, os policiais foram até a casa onde a idosa mora, na terça-feira (23), e encontraram a senhora em situação degradante, sem roupas e cobertas adequadas para o frio, sem alimentos e medicação. Os remédios que haviam no local estavam fora da validade, e os poucos alimentos eram eventualmente alcançados por vizinhos.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp