Operação policial em Lagoa Vermelha resulta em confronto fatal e prisões após 34 horas de cerco

O confronto começou quando a tentativa de abordagem resultou na fuga dos suspeitos

Publicado por
12:44 - 06/12/2023

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Operação policial em Lagoa Vermelha resulta em confronto fatal e prisões após 34 horas de cerco. (Foto: Divulgação)

Operação policial em Lagoa Vermelha resulta em confronto fatal e prisões após 34 horas de cerco. (Foto: Divulgação)

Na manhã desta quarta-feira (06), por volta das 06h30min, as forças policiais do 4º Batalhão de Polícia de Choque prosseguiram com a operação com cerco de 34 horas na localidade de Santa Luzia, no interior de Lagoa Vermelha, resultando em um confronto armado onde morreu um homem de 32 anos, natural de Ciriaco.

As ações tiveram início na noite de 04 de dezembro, quando uma guarnição da Brigada Militar de Lagoa Vermelha recebeu informações sobre um veículo VW/Santana, cor cinza, ocupado por quatro indivíduos, rondando propriedades rurais. O confronto começou quando a tentativa de abordagem resultou na fuga dos suspeitos, que abandonaram o veículo em uma vala e dispararam contra a guarnição antes de fugir para uma mata próxima.

O cerco policial foi rapidamente estabelecido, contando com a participação de viaturas de cidades limítrofes, além do apoio do 4º Batalhão de Polícia de Choque e do BOPE. Durante as buscas, na manhã de terça, foram encontrados indícios, incluindo uma jaqueta azul, um par de luvas e uma touca ninja, além de um revólver Taurus calibre 357, furtado, com munições intactas e deflagradas.

No início da tarde do mesmo dia, um dos suspeitos, um homem de 41 anos, foi localizado às margens da BR 470, Linha Pontão, ferido por disparo de arma de fogo na região da cintura. O indivíduo, com extensa ficha criminal, foi preso e conduzido ao hospital de São José do Ouro.

Na manhã de hoje, quando uma dupla armada tentou fugir da mata e confrontou as equipes policiais. Um homem de 32 anos, com vários antecedentes criminais, foi morto durante a ação. Com ele, foi apreendida uma pistola Taurus calibre 9mm, além de dois carregadores sobressalentes.

O segundo indivíduo conseguiu fugir novamente para o interior da mata, persistindo os esforços das forças policiais para capturá-lo. O caso continua sendo investigado pelas autoridades, que mantêm o cerco na região com o auxílio do efetivo do 10º BPM de Vacaria, 4º BPChq de Caxias do Sul e BOPE de Porto Alegre.

OPERAÇÃO

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp