Operação investiga importação irregular de anabolizantes e eletrônicos no Norte do RS

Investigação se iniciou com denúncias de que um homem estaria se identificando falsamente como policial federal

Publicado por
14:09 - 18/05/2023

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Operação investiga importação irregular de anabolizantes e eletrônicos no Norte do RS

(Foto: Polícia Federal/Divulgação)

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta quinta-feira (18), a segunda fase da Operação Concorrência Desleal, em investigação que apura os crimes de associação criminosa, falsa identidade, descaminho, posse e porte ilegal de arma de fogo. A ação tem o apoio da Receita Federal e busca ampliar os elementos probatórios sobre os fatos investigados, bem como apreender materiais e equipamentos ilícitos.

Policiais federais e servidores da Receita Federal cumprem seis mandados de busca e apreensão nos municípios gaúchos de Erechim (02), Estação (02), Getúlio Vargas (01) e Passo Fundo (01). A investigação teve início a partir de denúncias de que um homem estaria se identificando falsamente como policial federal e fornecendo substâncias anabolizantes para frequentadores de uma academia localizada na cidade de Erechim.

Além do comércio de anabolizantes, o investigado também atuaria vendendo telefones celulares e outros equipamentos eletrônicos provenientes de descaminho para estabelecimentos comerciais da região. A introdução clandestina de produtos sem o pagamento dos impostos pela importação e a sua posterior distribuição causam prejuízo ao comércio formal e riscos à saúde dos consumidores.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp