Morre técnico Rubens Minelli, tetracampeão e referência no futebol

Ele foi o 1º a faturar três títulos seguidos no Brasileiro nos anos 70

Publicado por
23:40 - 23/11/2023

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Morre técnico Rubens Minelli, tetracampeão e referência no futebol

Foto: Fábio Menotti / Palmeiras / Direitos Reservados

Referência no futebol brasileiro, o ex-técnico Rubens Minelli morreu nesta quinta-feira (23), aos 94 anos, em São Paulo. A causa da morte não foi revelada. O treinador foi campeão brasileiro em 1969, e depois seria o primeiro a faturar três títulos seguidos títulos seguidos (de 1975 a 1976) e depois, em 1989, levantaria a taça da primeira edição da Copa do Brasil. Nascido na capital paulista, Minelli comandou grandes equipes como Palmeiras, Internacional, São Paulo e Grêmio, além de passar pelo Al Hilal (Arábia Saudita), onde também foi campeão (1980).

Rubens Minelli - técnico São Paulo - década de 1979
Rubens Minelli comandou o time do São Paulo em 1977, quando conquistou seu terceiro título seguido do Brasileirão – Divulgação/São Paulo

Minelli ganhou projeção como treinador ao implementar uma estratégia de jogo que priorizava a marcação. O primeiro título brasileiro – na ocasião a competição não era de pontos corridos – foi com Palmeiras em 1969, e depois faturou três títulos seguidos no Colorado na década de 1970.

“Foi um grande treinador do futebol brasileiro, tinha um estilo muito forte de trabalhar. Suas esquipes marcavam bem, eram muito competitivas. Ele foi um técnico que mudou muito a maneira de jogar. O futebol gaúcho passou a ser conhecido como um futebol de pegada, de marcação, de picotar o jogo, de muita faltinha, porque esse era o estilo do Minelli. Na época se comentava que ele era um treinador de muito diálogo, mas que também cobrava muito”, disse o comentarista Waldir Luiz, comentarista esportivo da Rádio Nacional.

Em nota oficial a CBF lamentou a partida do treinador, que completaria 95 anos no próximo dia 19 de dezembro. “Neste momento de imensa tristeza, a CBF se compadece do falecimento de um dos grandes treinadores da história do futebol brasileiro e presta suas condolências aos familiares e amigos de Rubens Minelli”, diz o comunicado.

Vários clubes também usaram as redes sociais para prestar homenagens a Minelli e se solidarizar com amigos e parentes do treinador. Entre eles o Internacional, São PauloPalmeirasCorinthians, Grêmio e Atlético-MG.

Rubens Minelli teve uma curta trajetória como jogador, antes de iniciar a carreira de técnico. O primeiro trabalho foi no comando do América Mineiro (1963). Passou ainda por Botafogo-SP, Sport e Guarani até assumir o Palmeiras em 1969, quando foi campeão brasileiro pela primeira vez, com reconhecimento da CBF, quando a competição se chamava Taça de Prata/Torneio Roberto Gomes Pedrosa.

Depois Minelli viveu o período de glória como técnico. Faturou o bicampeonato no Internacional (1975 e 1976), no comando de um elenco estrelar Manga, Figueroa, Paulo César Carpegiani, Falcão e Valdomiro. No ano seguinte, em 1977, migrou para o São Paulo, e levantou a taça nacional mais uma vez.

“Em 1975 ele comandou um timaço no Internacional. Naquele ano o Colorado venceu o Corinthians na final. Depois ele venceu de novo em 1976. Além do bi, o grande feito do Inter do técnico Minelli foi eliminar no Maracanã o Fluminense, considerado a máquina do futebol brasileiro, cuja equipe contava com Rivelino, Paulo Cézar “Caju”, Gil, Edinho, e outros grandes nomes.O Inter despachou o Flu com o placar de 2 a 0. Em 1977 foi dirigir o São Paulo, e quando ninguém esperava, o Tricolor acabou sendo campeão brasileiro em um jogo histórico contra o Atlético-MG no Mineirão. O Galo tinha um grande time, era uma equipe muito melhor do que a do São Paulo. No entanto, os mineiros foram eliminados nas penalidades”, recorda o comentarista Waldir Luiz.

Depois do São Paulo, Minelli foi para a Arábia Saudita comandar o Al-Hillal em 1979 e lá permaneceu até 1980, conquistando o Campeonato Saudita. Voltou para o Brasil em 1982 e enfileirou passagens pelo Atlético Mineiro, Corinthians e Grêmio. E foi no Tricolor Gaúcho, em 1989, que Minelli conquistou a primeira edição da Copa do Brasil.

A longa lista de conquistas de Minelli tem ainda 11 títulos de campeão estadual: Portuguesa (1973), Internacional (1974, 1975 e 1976), Grêmio (1985, 1988 e 1989) e Paraná (1994, 1995, 1996 e 1997).

Fonte: Agência Brasil

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp