Ministério da Saúde aponta baixa adesão à vacinação contra gripe no Brasil

Apenas 22% do público-alvo se vacinou contra a gripe, com 14,4 milhões de doses aplicadas de um total de 75,8 milhões de pessoas

Publicado por
07:42 - 22/04/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Ministério da Saúde aponta baixa adesão à vacinação contra gripe no Brasil

Meta é imunizar 75 milhões de pessoas por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), incluindo idosos, gestantes, crianças, profissionais de saúde, entre outros | Foto: Paulo Pinto/ Agência Brasil

O Ministério da Saúde divulgou neste domingo (21) que apenas 22% do público-alvo da campanha de vacinação contra a gripe se imunizou até o momento. Isso representa 14,4 milhões de doses aplicadas de um total de 75,8 milhões de pessoas que fazem parte do grupo prioritário. A campanha teve início em 25 de março e a meta é imunizar 75 milhões de pessoas por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), incluindo idosos, gestantes, crianças, profissionais de saúde, entre outros.

Segundo a titular da Saúde, Nísia Trindade, a vacinação contra a influenza em 2024 será realizada no primeiro semestre do ano nas regiões Nordeste, Centro-Oeste, Sudeste e Sul, enquanto no Norte ocorrerá no segundo semestre.

Essa mudança na estratégia, implementada desde 2023, leva em consideração as particularidades climáticas de cada região, visando combater a circulação viral e transmissão da gripe, especialmente durante o Inverno Amazônico.

Os estados com as menores taxas de vacinação até o momento são o Distrito Federal (13,78%), Mato Grosso do Sul (14,18%), Mato Grosso (14,36%), Bahia (14,92%) e Rio de Janeiro (17,76%). A composição da vacina deste ano visa proteger contra a Influenza A (H1N1), Influenza A (H3N2) e Influenza B, sendo essencial a imunização de todos os grupos prioritários para prevenir a disseminação da doença e reduzir os impactos na saúde pública.

*Fonte: Jovem Pan

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp