Liberada parcialmente, Estrada da Uva recebe reparos emergenciais em Caxias do Sul

Danos causados pelas intensas chuvas de maio incluem erosões, quedas de barreiras e fissuras no asfalto ao longo dos 13 km da via

Publicado por
14:11 - 13/06/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Liberada parcialmente, Estrada da Uva recebe reparos emergenciais em Caxias do Sul

Foto: Cristofer Giacomet/ Grupo RSCOM

A Prefeitura de Caxias informa sobre o andamento dos trabalhos de reparo na Estrada Municipal da Uva, via crucial para diversas comunidades da região de Forqueta. Os danos, causados pelas intensas chuvas de maio, incluem erosões, quedas de barreiras e fissuras no asfalto ao longo dos 13 km da estrada. Essa via conecta importantes localidades, como Grutinha de Nossa Senhora Aparecida e Lourdes, São Martinho, São Virgílio, Loreto e São Valentim.

Levantamento do poder público mapeou os pontos mais afetados da via que incluem a área próxima à Gruta Nossa Senhora de Lourdes e Aparecida, onde o transbordamento do Arroio Belo causou rachaduras no asfalto. As ações emergenciais para esse trecho envolveu a sinalização do local e prazo para a secagem e estabilização do solo. O reparo asfáltico também foi encaminhando e breve será executado.

Outro ponto crítico, identificado e mapeado para reparos fica após o acesso para Cerro da Glória, que também passou por reforço estrutural e reconstrução da base para garantir a segurança dos motoristas. A ação foi executada pela Subprefeitura de Forqueta e pelo Setor de Escavações e Terraplanagem da SMOSP, e está aguardando por asfaltamento.

Adicionalmente, uma grande rocha, deslocada durante as chuvas, permanece parcialmente sobre a via, ocupando quase metade da faixa no sentido norte-sul, em direção à comunidade de São Valentim. Esse obstáculo está devidamente sinalizado. A remoção da rocha aguarda avaliação para remoção segura, sendo possíveis alternativas o uso de maquinário especializado ou possível detonação.

A Estrada Municipal da Uva está liberada somente para veículos leves e caminhões pequenos de até 12 toneladas. Caminhões maiores e, principalmente, com carga não podem trafegar pela estrada.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp