Homem que matou taxista é condenado por latrocínio em Bom Jesus

Após denúncia do Ministério Público em Bom Jesus, a Justiça condenou, nesta sexta-feira, 26 de agosto, um homem que assaltou…

Publicado por
09:41 - 27/08/2022

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Homem que matou taxista é condenado por latrocínio em Bom Jesus

Foto: PC/Bom Jesus

Após denúncia do Ministério Público em Bom Jesus, a Justiça condenou, nesta sexta-feira, 26 de agosto, um homem que assaltou e provocou a morte do taxista Ronaldo Almeida Lima no interior do município. A pena foi fixada em 30 anos de reclusão, em regime inicial fechado, pelo crime de latrocínio (roubo seguido de morte).

Conforme o promotor de Justiça Raynner Sales de Meira, autor da denúncia, o réu, de 21 anos, teria solicitado uma corrida de táxi à vítima na noite de 28 de janeiro. No percurso, ele anunciou o assalto, rendeu o taxista e o agrediu na cabeça com diversos golpes de pedra. Após, retirou a vítima do automóvel, a abandonou agonizando às margens da estrada e tentou fugir no veículo. Porém, perdeu o controle de direção e colidiu contra um barranco, o que o fez abandonar o automóvel e fugir a pé, levando o celular, carteira e outros pertences de Lima.

Embora socorrido no hospital, o taxista não resistiu aos ferimentos e veio a óbito no dia 10 de fevereiro. O criminoso foi preso poucos dias após e confessou o crime.

*Fonte Ministério Público – RS

Relembre o caso

O crime ocorreu na noite do dia 28 de janeiro, e o investigado teria solicitado uma corrida de táxi à vítima, oportunidade que se deslocaram até a residência da avó do investigado a fim de pegar um saco de roupas, o qual iria se internar para tratamento de drogas em uma clínica situada na localidade de Boca da Serra, interior do Município de Bom Jesus. Durante o percurso, em princípio, o investigado teria anunciado o assalto, rendido a vítima e passado a agredi-la com inúmeros golpes na cabeça, utilizando uma pedra.

Na sequência, deixou a vítima em uma estrada, gravemente ferida, subtraiu o veículo, o aparelho celular e a carteira, contendo dinheiro, porém acabou por colidir o veículo num barranco, tendo então abandonado o carro. Próximo ao local onde a vítima foi deixada foram encontrados alguns objetos e no porta-malas do veículo o saco de roupas do acusado. (Reportagem completa no link: https://leouve.com.br/ultimas/morre-taxista-que-foi-agredido-durante-assalto-em-bom-jesus)

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp