Flores da Cunha é selecionada para implantar uma escola cívico-militar

A Secretaria de Educação de Flores da Cunha recebeu a indicação que o município foi selecionado para implementar uma das…

Publicado por
15:45 - 18/09/2019

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

Foto: Divulgação / Prefeitura de Flores da Cunha

A Secretaria de Educação de Flores da Cunha recebeu a indicação que o município foi selecionado para implementar uma das 216 instituições do Programa Nacional das Escolas Cívico-Militares, regulamentado no Rio Grande do Sul através da iniciativa do deputado estadual Tenente-Coronel Zucco.

A escolha das cidades levou em conta os resultados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). Pelo projeto, militares da reserva da Brigada Militar e Forças Armadas terão funções de monitoria em escolas públicas, a partir de convênios com os municípios. O objetivo é resgatar e aprimorar alguns princípios como disciplina, ordem e valorização dos símbolos da pátria.

A função de monitoria compreende as atividades externas à sala de aula, atuando preventivamente na identificação de problemas que possam influenciar no aprendizado e convivência social do cidadão em desenvolvimento, promovendo condições que permitam um ambiente adequado e facilitador para a aquisição de conhecimentos e o seu desenvolvimento com base nos valores permanentes da identidade nacional e das virtudes da vida em sociedade.

Os militares da reserva não terão qualquer ingerência no conteúdo pedagógico. Eles vão organizar atividades ligadas à valorização da pátria e à segurança de alunos, pais, professores e funcionários. O projeto para Flores da Cunha foi apresentado pelo Tenente Coronel Alexandre Aragon. O mesmo foi exposto para a direção da Escola Municipal Tancredo de Almeida Neves, do bairro União.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp