Diretor do departamento de futebol feminino do Brasil de Farroupilha faz balanço sobre temporada da equipe

Ele falou sobre os erros cometidos e da preparação para 2023

Publicado por
10:09 - 16/09/2022

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
BRASIL DE FARROUPILHA

A temporada 2022 da equipe feminina do Brasil de Farroupilha acabou sendo mais curta que o esperado. No último domingo as gurias Rubro-verdes acabaram sendo eliminadas pela equipe do Oriente no Campeonato Gaúcho Feminino, assim encerrando a temporada.

Durante a fase de grupos, a equipe farroupilhense esteve no Grupo B, juntamente com Juventude, Oriente e Vidal Pró. A campanha obtida foi de duas vitórias, dois empates, e duas derrotas. No jogo decisivo, empate por 3 a 3 diante do Oriente nas Castanheiras.

Tendo em vista o término do calendário feminino, o diretor do futebol feminino Cristiano Nery falou sobre as expectativas entorno do ano de 2022:

“Nós tínhamos expectativas iniciais da temporada de voltar a um brasileiro, no qual não deveríamos ter saído. Voltar a ser campeão do interior, no qual nós fomos duas vezes consecutivas. Nós tínhamos alguns almejos muito grandes no Gauchão de 2022, uma expectativa muito grande em cima disso tudo e ela foi infelizmente frustrada em alguns jogos, alguns erros, algumas situações. Tivemos uma campanha bem abaixo do esperado”, admitiu.

Ele acrescentou que um dos erros cometidos foi começar a montar a equipe que disputaria o Gauchão tardiamente:

“Com certeza algo que deu errado, que não foi da forma correta foi nós decidirmos participar do Gauchão e começarmos a montar o elenco muito tarde, 40 dias antes da competição, o que em 2023 não vai acontecer. Nós já tivemos uma reunião com toda direção 2023 e vislumbrando tudo que deu errado em 2022, para que não aconteça em 2023.”

Nery falou das expectativas da direção para a temporada 2023 do futebol feminino:

“As expectativas para 2023 são excelentes. Já estamos estruturando todo o sistema. Vamos ter várias reuniões, vamos trazer jogadoras que realmente jogam e venham para ser titulares, ou pelo menos ser uma reserva direta. No ano que vem nós vamos ter um time muito forte, muito competitivo. Viemos fazer reuniões para entender o que aconteceu para que ano que vem seja um ano realmente diferente. Um ano de muitas batalhas, mas também muitas vitórias”, finalizou ele.

RELEMBRE A CAMPANHA DO BRASIL DE FARROUPILHA NO GAUCHÃO FEMININO 2022

Fotos: Luiz Erbes

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp