Comunidade sofre com esgoto a céu aberto no Bairro Municipal em Bento

Alunos e professores da escola Ulysses de Gasperi, no Bairro Municipal, em Bento Gonçalves e os próprios moradores sofrem com…

Publicado por
13:55 - 30/08/2018

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

Esgoto a céu aberto em frente a escola Ulysses de Gasperi

Esgoto a céu aberto em frente a escola Ulysses de Gasperi (fotos e vídeo: Dariano Moraes/RSCOM)

Alunos e professores da escola Ulysses de Gasperi, no Bairro Municipal, em Bento Gonçalves e os próprios moradores sofrem com mau cheiro e esgoto a céu aberto a quase um ano.

Em dias de calor o cheiro invade o refeitório e alunos já tiveram enjoo, mal estar e dor de cabeça em sala de aula. Em março a reportagem do Leouve esteve no local e, na época, o então secretário de obras Jairo Alberici, afirmou que a obra de canalização seria realizada.

Alguns dias depois máquinas estiveram no local, abriram valas, mas o problema se agravou. Tubulações existentes foram quebradas e as caixas de inspeção estão obstruídas.

A caixa coletora que deveria distribuir os dejetos transbordou, agravando mais o problema. O esgoto oriundo dos banheiros e refeitório da escola cai direto no solo e demanda para o rio Pedrinho um manancial importante que deveria ser preservado.

Acompanhe o vídeo sobre o esgoto

O atual Secretário Municipal de Obras Amarildo Lucatelli, esteve no local e afirmou que o projeto está sendo elaborado com colocação de boeiros, limpeza da caixa de inspeção e canalização do esgoto que demanda da escola. Ele não quis estipular prazo para a retomada da obra alegando que os transtornos causados pelas chuvas em outras áreas do município, estão com mais prioridade.

 

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp