Campanhas em Caxias do Sul priorizam arrecadação de alimentos e produtos de higiene para vítimas das chuvas no RS

Fundação Caxias e Parceiros Voluntários divulgam lista que compreende alimentos de consumo imediato, lençóis e toalhas de banho e rosto, entre outros itens

Publicado por
17:03 - 10/05/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

(Foto: Bibiana Ribeiro Mendes)

Doações em todo o Rio Grande do Sul seguem ocorrendo para atender às vítimas das fortes chuvas na última semana. Em Caxias do Sul são várias iniciativas de voluntários que apoiam a causa. Neste momento, a demanda maior é por alimentos não perecíveis, cestas básicas fechadas, além de materiais de higiene e limpeza. 

Neste momento, as principais necessidades de doação incluem:

  • Água potável;
  • Alimentos de consumo imediato, como atum e sardinha;
  • Alimentos não perecíveis;
  • Cestas básicas;
  • Produtos de limpeza, como desinfetante, água sanitária, sabão líquido, em pó e em barra, além de panos de chão;
  • Itens de higiene pessoal, como escovas de cabelo e dentes;
  • Lençóis;
  • Lenços umedecidos e papel higiênico;
  • Equipamentos de proteção individual, como luvas, botas, mangueiras;
  • Itens para emergências, como velas, fósforos e sacos reforçados;
  • Toalhas de banho e de rosto.

Conforme a Coordenadora de Programas Sociais da Parceiros Voluntários, Marcia Gonçalves, as doações que chegam rápido aos pontos de coleta também são destinadas rapidamente para os destinatários. “Agradecemos a comunidade que está contribuindo com as doações e pedidos também que está ajuda continue, pois será muito necessário, principalmente nos próximos meses para a reconstrução das cidades”.

Um dos pontos de coleta na cidade é no Seminário Nossa Senhora Aparecida, na rua Ivo Remo Comandulli, 897, bairro Santa Catarina. As equipes recebem donativos diariamente, das 8h às 17h.

Os donativos que estão sendo recebidos em três pontos na cidade, acompanhados pela Prefeitura de Caxias do Sul, seguem sendo distribuídos para as vítimas das chuvas na região. A distribuição à comunidade caxiense é feita por meio do presidente do bairro. O líder comunitário é que tem acesso aos donativos e os entrega às famílias da sua comunidade. A organização da logística é acompanhada pela Coordenadoria de Relações Comunitárias.

Apenas em cestas básicas, do dia 05 ao dia 09 de maio, foram distribuídas 448 unidades aos presidentes de AMOBs. No dia 05, foram 75 cestas que beneficiaram os bairros/loteamentos Vale Verde, Vale da Esperança, Conquista, Villa Lobos, Aeroporto, Cinquentenário I, Santo Antônio Serrano e Planalto Rio Branco. No dia 06, foram 38 alcançadas para as famílias do Aeroporto, Marechal Floriano, Tijuca, Ballardin, Planalto Frente e Serrano. Já no dia 07, 77 cestas foram para os moradores do Castanheiras, Marechal Floriano, Parque das Cascatas, São Luiz/Santa Fé, Centenário II, Fátima Baixa, Vale da Esperança, Mariani e Conquista. As 28 cestas entregues no dia 08 atenderam o Castanheiras, Cidade Industrial, Planalto, Vila Libertá, Universitário, Portinari e De Zorzi. No dia 09, foram 80 cestas básicas para o Planalto Rio Branco, Cânion, Recanto das Cascatas, Portinari, Marechal Floriano, Santa Rita e De Zorzi. O bairro Reolon recebeu 150 cestas diretamente do Banco de Alimentos, antes da organização com a Coordenadoria de Relações Comunitárias.

Baixa nos estoques de donativos

Desde os primeiros dias de enchentes e chuvas fortes no RS, a comunidade tem auxiliado os atingidos com doação de produtos. No primeiro momento, foram arrecadados roupas, calçados e muitos alimentos. Porém, os últimos dois dias houve baixa em praticamente todos os pontos de coleta. As entidades que estão recebendo e encaminhando os donativos pelo Estado atualmente apelam para a população continuar doando, principalmente alimentos e produtos de higiene e limpeza, além das demais demandas já citadas, para enfrentamento também posterior às enchentes.

Campanha do Agasalho

A abertura da Campanha do Agasalho será neste sábado (11) em Caxias do Sul. A edição deste ano agregará além de arrecadação de roupas de inverno, os itens citados para doação às vítimas das inundações. A ação ocorre das 8h às 18h, na Praça Dante Alighieri, em frente à Catedral.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp