Bento Gonçalves investirá R$25 milhões em obras de estradas do interior

Na manhã da última sexta-feira (27), a gestão municipal de Bento Gonçalves anunciou um investimento de R$25 milhões destinados à…

Publicado por
16:19 - 27/05/2022

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

Na manhã da última sexta-feira (27), a gestão municipal de Bento Gonçalves anunciou um investimento de R$25 milhões destinados à pavimentação nos distritos do município. O evento aconteceu no Distrito de Tuiuty, e lá, diversas autoridades da Casa Amarela e secretarias assinaram o contrato para realização de obras em, pelo menos, cinco pontos do interior.

Conforme o informado ao longo do evento, a Capital da Uva e do Vinho é a cidade no Rio Grande do Sul com mais empresas no ramo do Agronegócio, totalizando 42. Diante deste cenário, visando o crescimento e a valorização do segmento, bem como o turismo, o investimento feito com a Caixa Econômica Federal, será exclusivamente usado nos distritos. O mesmo tem prazo de amortização de dez anos e, dois anos de carência.

O investimento, que na última sexta-feira (20) teve a sinalização para assinatura do contrato, teve alguns empecilhos com negativas no Tribunal de Contas, DAER e FNDE que levaram meses para avaliar a documentação. Após a regularização, os 40 itens necessários foram aprovados pelo Governo Federal.

A equipe de reportagem do Grupo RSCOM, perguntou ao Prefeito de Bento Gonçalves, Diogo Segabinazzi Siqueira, como foram feitas as escolhas dos lugares que receberão o investimento. ”São obras que a gente vê interligação, a gente precisa ter interligação do interior,  número de famílias, potencial econômico, potencial turístico, da agricultura. É uma série de fatores que a gente tem que comprovar no sistema do Tesouro Nacional”, disse.

O primeiro distrito contemplado será o de Tuiuty, que receberá um quilômetro de pavimentação na Rua Moyses Pedrotti, com sete metros de largura e cinco centímetros de base, tendo, segundo a diretora do IPURB, Melissa Bertoletti Gauer, a resistência necessária para o tráfego de veículos. O valor da obra é de R$1,28 milhão e tem o prazo de início em até 120 dias.

A estimativa, segundo o Poder Público, é de que seja feito um edital por mês. As próximas obras a serem iniciadas com o investimento são em Faria Lemos, Linha 47 de São Pedro, Santa Lúcia no Vale dos Vinhedos e a continuação do asfalto na Linha Buratti.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp