Bandidos usam nome de coordenador do IGP para aplicar golpes em Caxias e região

A criatividade e ousadia de criminosos que aplicam as mais variadas formas de golpes virtuais, que inclusive já haviam utilizado…

Publicado por
11:59 - 06/01/2021

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

A criatividade e ousadia de criminosos que aplicam as mais variadas formas de golpes virtuais, que inclusive já haviam utilizado nome e imagem de delegados da Polícia Civil de Caxias do Sul, bateu à porta do coordenador regional do Instituto Geral de Perícias (IGP) da Serra, Airton Kraemer.

Em diversas ocasiões, os estelionatários utilizam a identificação do perito e o telefone para aplicar golpes, extorsões e realizar ameaças para moradores de Caxias, Bento Gonçalves, Farroupilha, São João da Urtiga, Flores da Cunha e demais municípios. Os estelionatos virtuais que ultrapassam fronteiras cresceram durante a pandemia e, os bandidos, vem utilizando-se de imagens de agentes de segurança pública para ameaças e cobranças.

Em um dos golpes, em que a vítima reside em Bento Gonçalves, o farsante, passando-se pelo coordenador do IGP, ameaça o homem alertando que é crime armazenar e/ou divulgar conteúdo pornográfico envolvendo crianças e adolescentes.

O criminoso tenta extorquir a vítima para que o inexistente boletim de ocorrência não seja encaminhado ao Fórum. Mas, essa é apenas uma amostra. Os golpes chegam a envolver até procedimentos de perícia e investigação criminal.

A Polícia Civil investiga a origem dos golpes em atividade no Rio Grande do Sul. Qualquer suspeita de uso de nome e imagem do perito Airton Kraemer devem ser informadas à Polícia.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp