Governo e Banrisul vão aplicar R$ 25 milhões no setor cultural afetado pelas enchentes

Verba será usada na recuperação de instituições da Secretaria da Cultura (Sedac) e para iniciativas de retomada de trabalhadores e projetos da área

Publicado por
19:09 - 07/06/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

Em evento no Margs, participantes valorizaram importância da cultura e das pessoas que trabalham no setor | Foto: Maurício Tonetto/Secom

Em evento no Museu de Arte do Rio Grande do Sul (Margs), o governo do Estado e o Banrisul anunciaram um aporte de R$ 25 milhões para recuperar o setor cultural afetado pelas enchentes. A iniciativa faz parte do programa Banrisul Reconstruir RS e destinará recursos para a recuperação de instituições culturais e apoio a trabalhadores da área.

A maior fatia da doação do Banrisul, R$ 15 milhões, será destinada para a recuperação das instituições da Sedac afetadas pelas enchentes: o Margs, a Casa de Cultura Mario Quintana (CCMQ), a Cinemateca Paulo Amorim (na CCMQ), o Memorial do Rio Grande do Sul, o Museu da Comunicação Hipólito José da Costa (MuseCom) e a Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (Ospa), todos na capital; e o Museu Estadual do Carvão, em Arroio dos Ratos, no interior do Estado. Um levantamento preliminar realizado pela Sedac identificou a necessidade de investimentos de pelo menos R$ 14 milhões para recuperar os equipamentos culturais impactados.

O Sebrae também investirá R$ 59,5 milhões para apoiar microempreendedores e microempresários do setor cultural, oferecendo R$ 3 mil para microempreendedores individuais e R$ 10 mil para microempresários, além de consultoria técnica.

O governador Eduardo Leite e o presidente do Banrisul, Fernando Lemos, destacaram a importância desse apoio para a retomada da cultura no estado. A secretária da Cultura, Beatriz Araújo, expressou gratidão pelo auxílio em tempos difíceis, vislumbrando uma retomada para a cultura gaúcha.

setor cultural

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp