Isolada no terceiro andar de prédio, égua Sarita é resgatada com operação especial em São Leopoldo

Após ação que exigiu perícia, égua Sarita está bem e será encaminhada para acolhimento

Publicado por
10:18 - 15/05/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

Imagem: Reprodução do vídeo dos Bombeiros

Após os resgates de pessoas, as equipes de socorristas da região metropolitana focaram as ações no resgate de animais que ficaram nas residências de áreas alagadas. Muitas ações chamaram atenção, mas uma delas exigiu uma operação especial do Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Sul (CRBM) e de veterinários voluntários em São Leopoldo, na noite desta terça-feira (14).

Uma égua estava isolada em um apartamento, no terceiro andar de um prédio, no bairro Campina, desde o início da enchente. 

Após o resgate, que exigiu o uso de roldanas especiais, cordas e técnicas de rapel, bem como acompanhamento veterinário, o animal foi tratado em um espaço ao lado do posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) de São Leopoldo e em seguida será encaminhado para acolhimento em uma ONG. 

Os Bombeiros comemoraram o sucesso da operação ao término da ação.

O nome da égua é Sarita e o proprietário contou em entrevista ao Grupo Sinos que mora ao lado do prédio e que deixou o animal dentro do condomínio no momento da evacuação, no sábado (04). Ele disse ainda que tinha um boi, que foi resgatado dias atrás. O homem está abrigado provisoriamente com a família em uma escola do bairro. 

 

 

 

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp