Após sobrevoo, equipe de geólogos instala equipamento de monitoramento de deslizamentos em Bento Gonçalves

Além dos gaúchos, equipe que trabalha no município reúne geólogos do Rio de Janeiro e Minas Gerais

Publicado por
09:58 - 19/05/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

Equipamento emite e recebe ondas para monitorar atividade do solo. Foto: Fabiane Capellaro

Bento Gonçalves formou um  Núcleo de Riscos Geológicos que segue realizando a análise das áreas atingidas por deslizamentos no interior do município.

No sábado (18), após um sobrevoo feito pelas equipes da Vale,  foi realizada a instalação de um equipamento para monitoramento de superfície de talude. O equipamento de três metros foi instalado para monitorar os deslizamentos na área de Faria Lemos.

Conforme o engenheiro geotécnico Vitor Santos, da empresa GroundProbe, “o equipamento funciona com pulsos eletromagnéticos. As ondas são enviadas até a área de interesse e retornam ao sensor, onde os dados são processados. Isso permite saber se tem alguma movimentação do maciço”, disse. O equipamento emite atualizações a cada dois minutos.

Profissionais de Bento Gonçalves, do governo do Rio Grande do Sul,  da Defesa Civil do Rio de Janeiro, do Departamento de Recursos Minerais do Estado do Rio de Janeiro, CREA de Minas Gerais e Vale estão avaliando os principais pontos em Faria Lemos e Tuiuty.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp