Suárez marca, Grêmio vence o Cuiabá e se consolida no G4

Tricolor chegou aos 39 pontos e está um atrás do Palmeiras com jogo atrasado

Publicado por
12:57 - 03/09/2023

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Tricolor venceu o Cuiabá por 2 a 0 em casa

Tricolor venceu o Cuiabá por 2 a 0 em casa (Foto: Lucas Uebel/Grêmio/Divulgação)

O Grêmio recuperou a terceira posição do Brasileirão na manhã deste domingo (3) ao vencer o Cuiabá por 2 a 0 na Arena. Com a vitória, o Tricolor chegou aos 39 pontos, ficando um atrás do Palmeiras, vice-líder e que joga nessa tarde contra o Corinthians. Ao mesmo tempo, diminuiu para 12 a distância do líder Botafogo, que perdeu por 2 a 1 para o Flamengo na noite de sábado (2). Vale lembrar que o time de Renato Portaluppi tem um jogo a menos que as duas equipes.

Na partida de hoje, o Tricolor teve apenas uma mudanças em relação ao time que venceu o Cruzeiro por 3 a 0 no último final de semana. O goleiro Caíque substituiu o suspenso Gabriel Grando. O camisa 31 fez uma boa defesa e saiu sem ser vazado. O meio-campista Bitello, um dos destaques da temporada, novamente foi reserva e nem entrou no segundo tempo, com Renato armando o time titular com Villasanti, Carballo e Pepê.

Jogando em casa e com grande apoio da torcida, o Grêmio começou a partida pressionando o Cuiabá. Mas, o primeiro gol da partida demorou 30 minutos para sair e foi dos pés do artilheiro Luis Suárez. Na segunda etapa, Rikelme marcou contra e deu números finais ao confronto. Essa foi a quarta derrota consecutiva do Dourado por 2 a 0. Agora, a equipe do Mato Grosso ocupa a 10ª posição com 28 pontos.

Em virtude da Data FIFA, o Grêmio terá 11 dias até o próximo jogo. No dia 14 de setembro, o Tricolor visitará o Bragantino, em jogo marcado para às 21h30min.

Pressão e gol de Luisito no primeiro tempo

Com marcação pressão, a primeira chance foi gremista. Aos dois minutos, o time roubou a bola na defesa do Cuiabá e Villasanti lançou Luis Suárez, mas o goleiro Walter saiu bem e ficou com a bola. Aos oito, o time do Mato Grosso teve uma chance clara. Rikelme entrou sozinho dentro da área e chutou forte, obrigando o estreante Caíque a fazer grande defesa. Aos 10, após lance que iniciou com Pepê no meio-campo, o lateral-direito João Pedro cruzou na área e Luisito pegou de primeira, porém, a bola foi para fora. A partida iniciou movimentada na Arena.

Aos 15 minutos, Cristaldo lançou pela João Pedro pela direta. O lateral cortou para o meio e tocou para o argentino que finalizou fraco e facilitou a defesa de Walter. O Tricolor seguiu pressionando a defesa do Cuiabá, dando poucos espaços para os visitantes. Quando o relógio estava prestes a marcar meia-hora de jogo, o ímpeto ofensivo dos donos da casa foi coroado. Após assistência de Pepê, Luis Suárez chutou forte e cruzado pela esquerda, mandando para o fundo das redes. 1 a 0.

Após marcar o gol, o Grêmio deu uma segurada na pressão que exercia sobre o Cuiabá, deixando a bola com a equipe mato-grossense. Mesmo assim, o Dourado não conseguiu criar chances de perigo, e a partida foi para o intervalo em 1 a 0 para o Tricolor.

Gol contra decreta vitória Tricolor contra o Cuiabá

As duas equipes voltaram sem modificações do intervalo. Devido ao choque de cabeça do zagueiro Walter Kannemann com um jogador do Cuiabá, a partida ficou interrompida por cerca de três minutos no início do segundo tempo. Após isso, os mato-grossenses tentavam manter a bola no ataque, mas a defesa tricolor impedia as chances dos visitantes. Nos primeiros 10 minutos, o Grêmio não chegou nenhuma vez ao gol defendido por Walter.

Aos 11, Rikelme chegou pelo lado esquerdo e cruzou na área para Deyverson. O camisa 16 desviou e primeira e mandou para fora. Na sequência, percebendo que o Cuiabá estava crescendo do jogo, Renato Portaluppi colocou Ferreira e Éverton Galdino nos lugares de João Pedro Galvão e Carballo. E as mudanças surtiram efeito aos 18. Após cruzamento de Reinaldo, o camisa 13, que havia recém entrado, cabeceou e no rebote de Walter, o lateral-esquerdo Rikelme mandou contra. 2 a 0. No lance seguinte, Luis Suárez aplicou um lençol no defensor adversário e chutou forte para boa defesa do goleiro do Dourado.

Após sofrer o segundo gol, António Oliveira colocou Derik Lacerda e Fernando Sobral nas vagas de Ceppelini e Lucas Mineiro. Com as trocas, o Cuiabá voltou a ficar mais com a posse de bola nas busca por reduzir a desvantagem. Mesmo assim, a defesa gremista seguia forte na marcação. Aos 26, para o delírio da torcida, Renato colocou Luan na vaga de Cristaldo.

Com as equipes bastante modificadas, o jogo perdeu a velocidade a partir dos 30 minutos. Sem ver sua equipe melhorar, o técnico português do Cuiabá colocou Jonathan Cafú e PK nos lugares de Wellington Silva e Rikelme, em mais uma chance de colocar agilidade pelos lados do campo.

As trocas de António Oliveira não surtiram efeito e o Cuiabá não conseguiu oferecer riscos ao Tricolor. Aos 44, Renato Portaluppi tirou Pepê e Luisito para colocar Gustavo Martins e Iturbe. Com a vitória, o Grêmio chegou aos 39 pontos e recuperou a terceira posição perdida na noite de sábado para o Flamengo.

Ficha técnica

Grêmio

Escalação: Caíque; João Pedro, Rodrigo Ely, Kannemann e Reinaldo; Villasanti, Carballo (Éverton Galdino), Pepê (Gustavo Martins) e Cristaldo (Luan); João Pedro Galvão (Ferreira) e Suárez (Iturbe).

Gols: Suárez, Rikelme (contra)

Cartões amarelos: Rodrigo Ely, Éverton Galdino

Cuiabá

Escalação: Walter; Matheus Alexandre, Alan Empereur, Allyson e Rikelme (PK); Filipe Augusto, Lucas Mineiro (Fernando Sobral), Denilbon (Ronald), Pablo Ceppelini (Derik Lacerda) e Wellington Silva (Jonathan Cafú); Deyverson.

Cartão amarelo: Lucas Mineiro

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp