Mesatenista caxiense conquista medalha de prata em Aracaju – Sergipe

Entre os dias 3 e 5 de setembro, a atleta caxiense Sabrina Cagnin Moschen, estudante da Escola Estadual Técnica Caxias do…

Publicado por
16:14 - 10/09/2022

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Mesatenista caxiense conquista medalha de prata em Aracaju - Sergipe

Foto: SMEL / Divulgação

Entre os dias 3 e 5 de setembro, a atleta caxiense Sabrina Cagnin Moschen, estudante da Escola Estadual Técnica Caxias do Sul (EETCS), disputou os Jogos da Juventude na modalidade de tênis de mesa, em Aracaju – SE. O evento é organizado pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), e reúne anualmente mais de 4 mil atletas em idade escolar de todo país. A mesatenista conquistou medalha de prata junto à colega Victória Strasburguer, de Ivoti, na categoria por equipes.

Grandes nomes do esporte brasileiro passaram pelos Jogos da Juventude, como a campeã olímpica Sarah Menezes e a campeã mundial Mayra Aguiar, ambas do judô; os mesatenistas Hugo Calderano e Bruna Takahashi; Darlan Romani, Paulo André e Rosângela Santos, todos do atletismo; os armadores Raulzinho e Tainá Paixão, do basquete; a nadadora Etiene Medeiros; a ciclista Paôla Reis; e Haniel Langaro e Tamires Morena, do handebol.

Com a conquista, Sabrina torna-se a única mesatenista caxiense a trazer duas medalhas na modalidade para o Município. A primeira foi em 2019, nos Jogos da juventude de Blumenau.

*Fonte SMEL

Fotos: Divulgação / SMEL

Confira também no Portal Leouve

Piloto brasileiro conquista campeonato da Fórmula 2 pela primeira vez na história

O piloto brasileiro Felipe Drugovich, de 22 anos, conquistou neste sábado (10), antecipadamente, o título do campeonato de pilotos da Fórmula 2, principal categoria de acesso para a Fórmula 1.

Drugovich, primeiro brasileiro na história a tornar-se campeão da categoria, garantiu a façanha mesmo sem terminar a primeira das duas corridas que são disputadas neste fim de semana no circuito de Monza, na Itália – ele se envolveu em uma colisão na primeira volta e abandonou a corrida.

Isso porque o vice-líder do campeonato, Théo Pourchaire, da ART Grand Prix, terminou na 17ª posição e não conseguiu reduzir a vantagem de 69 pontos entre ele e Drugovich – são 233 pontos para o brasileiro e 164 para o francês. (Reportagem completa no link acima)

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp