Grêmio vence Estudiantes com um a menos e está vivo na Libertadores

Tricolor fez 1 a 0 em contragolpe mortal em nova batalha de La Plata

Publicado por
21:25 - 23/04/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

Foto: Alejandro Pagni / AFP / CP

O Grêmio está mais vivo do que nunca na Libertadores. Na noite desta terça-feira, em La Plata, com um jogador a menos, o Tricolor venceu o Estudiantes (ARG) por 1 a 0, no Estádio Jorge Luis Hirschi, pela 3ª rodada do Grupo C. Com o resultado, os gaúchos conquistaram os primeiros três pontos na competição continental. No dia 8 de maio, encaram o Huachipato (CHI), no Chile.

Renato surpreendeu na escalação. Galdino foi a escolha para atuar aberto pelo lado direito, com Gustavo Nunes no banco de reservas. Com mais iniciativa, o Tricolor tentava infiltrar na defesa argentina, mas encontrava dificuldade. A primeira finalização perigosa foi do Estudiantes. Aos 7, Zaid Romero avançou pela meia esquerda e soltou a bomba. A bola passou à esquerda da meta gremista. Quatro minutos mais tarde, Pepê desarmou no campo de ataque, a bola sobrou para Galdino, que encontrou Cristaldo dentro da área. Porém, o camisa 10 finalizou fraco e facilitou a defesa de Mansilla.

Aos 13, Javier Correa precisou finalizar duas vezes para levar perigo ao gol tricolor. Três minutos depois, Fábio recebeu de Soteldo pela ponta esquerda e chutou por cima da meta argentina. Aos 28, após mais um erro do Estudiantes, João Pedro Galvão acionou Soteldo, que dominou dentro da área, mas teve o chute travado pela defesa argentina. Renato foi obrigado a fazer a primeira substituição aos 33, quando Geromel deslocou o ombro esquerdo e deixou o campo para a entrada de Rodrigo Ely. Os minutos finais da etapa inicial foram de muito equilíbrio e sem nenhuma chance de gol criada pelas equipes.

Os donos da casa criaram a primeira chance no segundo tempo. Aos 6, Javier Correa passou por Ely e finalizou para ótima defesa de Marchesín. Um minuto depois, o Grêmio respondeu. Cristaldo soltou a bomba de fora da área e Mansilla espalmou para escanteio. Aos 11, o Tricolor quase abriu o placar. A bola sobrou dentro da área para Cristaldo, que emendou um voleio com estilo no travessão.

A situação gremista ficou complicada, aos 20, com a expulsão de Villasanti. Para recompor o setor, Renato optou pela entrada de Dodi. Nathan Fernandes e Gustavo Nunes também foram a campo para dar velocidade ao time e deram resultado. Aos 29, em contragolpe, Gustavo Nunes recebeu pela esquerda e cruzou para Nathan Fernandes: 1 a 0. Os minuto finais foram de pressão do Estudiantes, que teve um gol anulado de Carrillo.

Libertadores 2024 – 3ª rodada do Grupo C

Estudiantes 0

Matías Mansilla; Eros Mancuso, Lollo (Mauro Mendez), Zaid Romero e Gastón Benedetti; Santiago Ascacíbar e Enzo Pérez; José Sosa (Piatti), Thiago Palacios; Cetré e Correa (Carillo). Técnico: Eduardo Domínguez.

Grêmio 1

Marchesín; João Pedro, Geromel (Rodriogo Ely), Kannemann e Fábio; Villasanti, Pepê e Cristaldo (Dodi); Galdino (Nathan Fernandes), Soteldo (Gustavo Nunes) e João Pedro Galvão (Gustavo Martins). Técnico: Renato Portaluppi.

Gols: Nathan Fernandes (31min/2°T)

Cartões amarelos: Thiago Palacios e Enzo Perez (Estudiantes) JP Galvão, Marchesín, Cristaldo, Fábio e Galdino (Grêmio)

Cartão vermelho: Villasanti (Grêmio)

Árbitro: Gustavo Tejera (URU-Fifa)

Assistentes: Martin Soppi (URU-Fifa) e Horacio Ferreiro (URU-Fifa)

VAR: David Rodriguez (URU-Fifa)

Data e hora: 23 de abril, terça-feira, às 19h

Local: Estádio Jorge Luis Hirschi, em La Plata (ARG)

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp