Brasil perde para Uruguai nos pênaltis e está fora da Copa América

Nas penalidades, Ugarte perdeu uma cobrança para os uruguaios. Mas o Brasil perdeu com Militão e Douglas Luiz. Na semifinal, o Uruguai enfrentará a Colômbia, que arrasou o Panamá, neste sábado, por 5 a 0

Publicado por
00:23 - 07/07/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Copa América

Foto: FREDERIC J. BROWN / AFP

Em jogo de fraco nível técnico e muito truncado, o Uruguai  venceu o Brasil, nos pênaltis, por 4 a 2, após 0 a 0 no tempo normal. Assim, garantiu presença na semifinal da Copa América. No tempo normal, o clássico realizado no Allegiant Stadium, em Las Vegas, placar em branco fez justiça ao mau futebol das duas seleções. Afinal, foram muitas faltas e raros chutes no alvo (três dos brasileiros, um da Celeste). Nas penalidades, Ugarte perdeu uma cobrança para os uruguaios. Mas o Brasil perdeu com Militão e Douglas Luiz.

Na semifinal, o Uruguai enfrentará a Colômbia, que arrasou o Panamá, neste sábado, por 5 a 0. Este duelo será na quarta-feira (10/7)  no Bank Of America Stadium, em Charlotte, na Carolina do Norte. Já a outra semifinal, entre Argentina e Canadá ocorrerá na terça-feira no Metlife Stadium, em Nova Jersey. Enfim, a grande final da Copa América será no domingo (14/7) em Miami. O Brasil volta pra casa frustrado.

Primeiro tempo truncado
O jogo começou truncado, com faltas e muitos estudos, mas com o Uruguai tomando mais a iniciativa e construindo as duas primeiras chances de gol. Aos poucos, o Brasil foi equilibrando o jogo e teve a primeira chance com Endrick, que recebeu na área um presente de Viña. Poderia, dentro da área, chutar a gol. Porém, resolveu rolar para Raphinha, que acabou bloqueado.

Depois dos 30 minutos o jogo ficou mais aberto. Aos 34, Darwin Núñez perdeu na cara de Alisson, cabeceando por cima, No minuto seguinte, Raphinha entrou livre na área, mas chutou em cima de Rochet. O Uruguai errava nas saídas de bola e o Brasil, mesmo sem fazer um grande jogo, era rápido no ataque e poderia ter saído do primeiro tempo em vantagem nesta etapa em que o Uruguai teve zero bola na direção do gol e ambos os times com menos de 70% de passes certos.

Uruguai com dez. Mas Brasil não aproveita
Na etapa final, o jogou ficou aida mais faltoso. Para se ter ideia, em certo momento, o scout apontava apenas 40% de bola em movimento.  As poucas chances eram anuladas pelos ataques. O Brasil seguia sem criatividade. Mas, aos 29, os Canarinhos ficaram com um a mais. Nãndez entrou no tornozelo de Rodrygo. Levou amarelo, mas o VAR chamou o árbitro e o cartão passou a ser o vermelho.  Logo Bielsa tirou dois atacantes e reforço o meio de campo, já focando um empate e possível decisão por pênaltis, que foi o que ocorreu. Afinal, o Brasil, mesmo com um a mais e substituições tardias, não finalizou. Enfim, decisão nas penalidades. E deu Uruguai 4 a 2.

Nos pênaltis:

Para o Uruguai: Valverde, Bentancur, Arrascaeta e Ugarte acertaram; Alisson defendeu a cobrança de Giménez

Para o Brasil: Andreas Pereira e Martinelli acertaram; Rochet defendeu a cobrança de Militão; Douglas Luiz chutou na trave

URUGUAI 0X0 BRASIL (nos pênaltis,  Uruguai 4 a 2)

Quartas de final da Copa América

Data: 6/7/2024

Local: Allegiant Stadium, Las Vegas (EUA)

URUGUAI: Sergio Rochet; Nández, Ronald Araújo (Giménez, 32’/1ºT), Mathías Olivera e  Viña (Cáceres, Intervalo); Ugarte, Valverde e De La Cruz (Bentancur, 21’/2ºT); Facundo Pellistri (Varela, 32’/2ºT), Maximiliano Araújo e Darwin Núñez (Arrascaeta, 32’/2ºT). Técnico: Marcelo Bielsa.

BRASIL: Alisson, Danilo, Éder Militão, Marquinhos e Guilherme Arana; João Gomes (Andreas, 36’/2ºT), Bruno Guimarães (Evanilson, 41’/2ºT) e Lucas Paquetá (Douglas Luiz, 36’/2ºT); Raphinha (Savinho, 36’/2ºT), Rodrygo (Martinelli, 41’/2ºT) e Endrick. Técnico. Dorival Júnior.

Gols:

Árbitro: Dario Herrera (ARG)

Auxiliares: Juan P. Belatti (ARG) e Cristian Navarro (ARG)

VAR: Guillermo Pacheco (MEX)

Cartões amarelos: Ugarte, De la Cruz (URU); Paquetá, João Gomes (BRA)

Cartão vermelho: Nández (URU, 29’/2ºT)

 

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp