Com estreia de Gerson Gusmão, Caxias tenta reencontrar as vitórias na Série D

Grená vem de duas derrotas consecutivas e caiu da primeira para a terceira posição no Grupo 8

Publicado por
09:00 - 24/06/2023

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Gerson Gusmão chegou nesta semana no Grená

Gerson Gusmão chegou nesta semana no Grená (Foto: Vitor Soccol/SER Caxias/Divulgação)

Após uma semana conturbada nos bastidores do Estádio Centenário, o Caxias volta a campo nesta domingo (25). A partir das 15h, o Grená recebe o Novo Hamburgo, lanterna do Grupo 8 da Série D. A partida, que marcará a estreia de Gerson Gusmão no comando técnico, é fundamental para as pretensões da equipe da temporada, que busca sua classificação à segunda fase.

Contra um time que ainda não venceu na competição, o Caxias tem a possibilidade de voltar ao caminho das vitórias após duas derrotas seguidas, e que culminaram na demissão do técnico Tcheco. A chegada de Gerson Gusmão não tranquilizou totalmente os ânimos, mas trouxe esperança de uma recuperação, principalmente pelo currículo do técnico, que em 2017 foi campeão da quarta divisão com o Operário do Paraná.

“Nós não podemos nos preparar para jogar contra o Novo Hamburgo, contra o Aimoré ou São Joseense. Nós temos que nos preparar para melhor em relação a nós mesmos, porque aí nós vamos estar preparados para jogar com todos os adversários que vamos enfrentar”, falou em sua chegada ao Caxias.

As derrotas em sequência para Camboriú e Hercílio Luz fizeram o Grená cair da primeira para a terceira posição do Grupo 8. Mesmo assim, o novo comandante disse que não fará mudanças drásticas no time para sua estreia no Estádio Centenário.

“Não tem como ter mudança radical, até porque no futebol a mudança radical é perigosa, ela pode dar certo, mas pode não dar. Então, a gente que partir de uma base daquilo que vinha jogando”.

Algumas dúvidas no time titular devem ser sanadas apenas uma hora antes do confronto de domingo. No gol, André Lucas, que falhou contra o Hercílio, pode retornar ao banco de reservas. No meio-campo, Fabrício Oya deve ser titular na vaga do machucado David Peninha, assim como Elyeser ganhará a posição que era de Marciel, que saiu para o CSA.

Por outro lado, a dupla de zaga titular está de volta após cumprirem suspensão. Com isso, um provável 11 inicial deve ter Pedro Paulo; Marcelo, Dirceu, Fernando e Jonathan; Marlon, Elyeser e Fabrício Oya; Augusto Galvan, Marcelinho e Eron.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp