UBS Centenário não será reaberta por risco geológico, decide Secretaria de Saúde de Caxias do Sul

O anúncio foi feito após uma reunião realizada nesta segunda-feira (10), envolvendo representantes da comunidade e autoridades locais

Publicado por
21:07 - 10/06/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

(Foto: Cristiane Barcelos)

Em decisão conjunta da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) e da Secretaria de Obras e Serviços Públicos, foi confirmado que a Unidade Básica de Saúde (UBS) Centenário não reabrirá devido a graves problemas estruturais e risco geológico. O anúncio foi feito após uma reunião realizada nesta segunda-feira (10), envolvendo representantes da comunidade e autoridades locais.

Problemas estruturais e risco geológico

De acordo com um laudo emitido pela Secretaria de Obras e Serviços Públicos, o prédio da UBS Centenário apresenta problemas estruturais severos exacerbados pelas fortes chuvas ocorridas em maio. Localizado em um terreno íngreme, o edifício, que originalmente servia como centro comunitário, foi adaptado provisoriamente como unidade de saúde durante as reformas da UBS Fátima Baixo em 2009. No entanto, a estrutura não foi projetada para funcionar permanentemente como uma UBS, resultando em um espaço inadequado e inseguro para atendimentos de saúde.

(Foto: Cristiane Barcelos)

Reunião com a comunidade

A reunião contou com a participação de membros da comunidade e autoridades locais, onde foram discutidas soluções para garantir a continuidade do atendimento médico. Presentes na reunião estavam o presidente da União das Associações de Bairros (UAB), Valdir Walter; Flávio Fernandes, coordenador de Relações Comunitárias; Paulo Cardoso Alves, representante do Conselho Local de Saúde; Valdir Alves de Oliveira, presidente da Amob Centenário; Clori Bitencourt, presidente da Amob São Luiz Santa Fé; Amarildo de Borba, presidente da Amob Centenário II; Manoel Ronaldo, vice-presidente da Amob Centenário I; vereador Lucas Diel; Cristian Deboni de Lima, arquiteto da Secretaria de Obras, além de diretores da SMS e gerentes de UBSs da região.

(Foto: Cristiane Barcelos)

Alternativas para atendimento médico

Desde o fechamento da UBS Centenário no início de maio, a SMS tem oferecido atendimento médico com o apoio de um ônibus da Cruz Vermelha. No entanto, o serviço foi temporariamente interrompido para manutenção do veículo, com previsão de retorno na próxima semana. Enquanto isso, os moradores podem buscar atendimento nas UBSs da Zona Norte, incluindo Fátima Baixo, Santa Fé, Belo Horizonte e Vila Ipê. Em breve, a UBS Parque Oásis será reinaugurada, e a UBS Caminhos do Meio, localizada no Loteamento Vitório Trez, está em fase final de preparação para licitação.

(Foto: Cristiane Barcelos)

Suporte à comunidade

A SMS também oferece renovação de receitas médicas controladas via WhatsApp, facilitando o acesso dos pacientes a seus medicamentos. Durante a reunião, foi discutida a possibilidade de ajustar as linhas de ônibus para melhorar o deslocamento dos moradores do Centenário até outras UBSs, uma demanda que será levada à Secretaria de Trânsito, Transportes e Mobilidade.

Compromisso com a segurança

“Não vamos permitir que nossos servidores e pacientes sejam colocados em risco,” afirmou a secretária municipal da Saúde, Daniele Meneguzzi. “A reunião de hoje foi para explicar a situação, apresentar nossa proposta e buscar soluções em conjunto. Estamos à disposição para construir juntos.”

A reunião destacou a importância de garantir a segurança de todos os envolvidos e reafirmou o compromisso das autoridades locais em buscar alternativas viáveis para a prestação contínua de serviços de saúde à comunidade do Centenário.

(Foto: Cristiane Barcelos)

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp