Turista morta em acidente com ônibus no Chile era professora em David Canabarro

Uma segunda vítima fatal ainda não foi identificada. Acidente deixou outras 40 pessoas feridas na noite de quinta (25).

Publicado por
18:36 - 26/04/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Turista morta em acidente com ônibus no Chile era professora em David Canabarro

(Foto: Montagem/Divulgação)

Elenice Terezinha Mezzomo Preto, 55 anos, moradora de David Canabarro, Norte do RS, é a primeira vítima fatal identificada após o acidente com ônibus de turismo no Chile. O sinistro aconteceu no quilômetro 27 da rota internacional 27CH, rodovia que liga Paso Jama, na fronteira com a Argentina, e San Pedro de Atacama. Além de Elenice, outra pessoa morreu (ainda não identificada) e 40 ficaram feridas, sendo seis em estado grave. Pelo menos 25 pessoas seriam de Lajeado.

O grupo saiu de Porto Alegre na segunda-feira (22) e ficaria uma semana no país. Os feridos foram levados para o Hospital de Calama e outras unidades de saúde em San Pedro de Atacama e localidades próximas. Segundo relato da polícia local, o motorista do ônibus teria perdido o controle do veículo, que acabou capotando.

Elenice era professora na Escola Instituto Educacional Estadual Assis Brasil, em David Canabarro. Por meio das redes sociais, a instituição prestou homenagem à profissional.

(Foto: Reprodução/Instagram @i.e.e._assis_brasil)

“Estamos prestando todo suporte e apoio aos passageiros e familiares. Ainda que as informações sejam desencontradas pela dificuldade de contato, temos guia e equipe de apoio no Chile. Os feridos que foram liberados estão em hotel de San Pedro de Atacama ou em Calama”, destaca Diego Souto, proprietário da empresa DH Transportes, responsável pelo veículo.

Acidente com ônibus que levava turistas gaúchos deixa dois mortos e 40 feridos no Chile

 

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp