Cinco pessoas morrem em confronto entre policiais e criminosos, em Porto Alegre

Brigada Militar agiu durante troca de tiros entre as facções.

Publicado por
19:39 - 19/07/2023

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

Cinco pessoas morreram após uma disputa territorial entre as facções V7 e os Balas na tarde desta quarta-feira (19), em Porto Alegre. Estaria para ocorrer uma ataque da facção V7 contra os Bala Na Cara, porém o grupo que pretenderia atacar a gangue adversária foi interceptado pela Brigada Militar antes de atacar os rivais, iniciando o confronto. Quatro armas curtas e duas armas longas foram apreendidas junto de fardas da BM e drogas.

Nas últimas três semanas, uma crescente disputa territorial entre os dois grupos criminosos fez aumentar o temor e a revolta por parte dos moradores do local de que ocorresse um tiroteio. Os dois lados disputam a hegemonia no tráfico de drogas. Conforme a BM, as tensões na disputa territorial atingiram um novo ápice nesta quarta-feira, quando integrantes do V7 supostamente organizaram um ataque contra os membros dos Balas no Alameda do Sorriso.

Conforme a BM, as tensões na disputa territorial atingiram um novo ápice nesta quarta-feira, quando integrantes do V7 supostamente organizaram um ataque contra os membros dos Balas no Alameda do Sorriso. O trabalho policial interceptou o ataque dos V7 e agiu antes. Esta ação teria iniciado o tiroteio.

A BM segue realizando buscas intensivas na região com o objetivo de capturar um homem que fugiu após o confronto. Além disso, os moradores locais, em uma manifestação de indignação e protesto contra a violência, colocaram fogo em pneus, exigindo justiça pela morte de três adolescentes durante o recente confronto.

No bairro Parque dos Maias, na zona Norte, outro confronto entre criminosos e PMs, causou a morte de duas pessoas.

Veja mais sobre CONFRONTOS

Jovem morre após confronto com policial em Tapejara

Um jovem morreu em confronto com a Brigada Militar de Tapejara, no Bairro São Paulo, próximo ao clube Tradição Nativa.

Segundo as informações da DPPA de Passo Fundo, a ocorrência iniciou quando o jovem bastante alterado, estava ameaçando algumas pessoas, na manhã de domingo (09).

Vizinhos acionaram a BM após o indivíduo efetuar disparos de espingarda calibre 12 em sua residência. Uma guarnição foi até a casa e deu voz de prisão ao jovem, que não acatou as ordens policiais.

De arma em punho, ele se opôs a intervenção policial. O indivíduo foi baleado, socorrido até o hospital, mas, não resistiu aos ferimentos e faleceu. O jovem foi identificado como Cristian Vinicius Carneiro de Paula.

Seu corpo foi encaminhado ao DML de Carazinho pela Bianchi Funerárias e após liberado para o velório, que acontece na Igreja Templo do Senhor, em Tapejara.

A Brigada Militar informou que a instituição irá se pronunciar mediante um inquérito, que já foi instaurado.

 

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp