Polícia Civil investiga morte de bebê em Flores da Cunha

Criança de família haitiana teria falecido depois de se engasgar com leite na creche. O caso será investigado como possível negligência

Publicado por
12:40 - 21/06/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

Foto: Divulgação/PC

O menino Kenle Cineus Nezy, de quatro meses, morreu após se engasgar com leite, na tarde desta quinta-feira (20), em Flores da Cunha. Ele havia sido amamentado e estava em repouso. O caso aconteceu por volta das 12h, em uma creche privada da cidade.

A família registrou uma ocorrência na delegacia de Polícia Civil. O fato será investigado como suposta negligência por parte da professora que supervisionava o berçário e da diretora da escola.

A criança foi encaminhada ao Hospital Beneficente Nossa Senhora de Fátima. Apesar da equipe médica ter realizado as manobras de reanimação, o bebê não resistiu. A família da criança é de nacionalidade haitiana.

A Polícia Civil aguarda o resultado da necropsia para saber se a morte foi durante ou após a amamentação. Diretora e funcionária já prestaram depoimento na delegacia. A direção diz que todos os funcionários têm noções de primeiros socorros.

O velório de Kenle ocorre na sala B,do Memorial São Miguel Arcanjo, de Flores da Cunha. A celebração religiosa será às 14h. O sepultamento logo após, no cemitério municipal.

Nota de pesar da Prefeitura de Flores da Cunha

“O município de Flores da Cunha lamenta profundamente o falecimento da criança, de 4 meses de idade, ocorrido nesta quinta-feira, dia 20. O bebê estava matriculado em uma escola particular, onde a família tinha subsídio parcial da vaga custeada pelo município.

Neste momento de imensa dor e tristeza, nos solidarizamos com a família, desejando força e conforto para enfrentarem este momento. Nossos mais sinceros sentimentos.

O município acompanhará as investigações e abrirá procedimento administrativo para a apuração do caso”.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp