ONG Nono Giacomelli: Solidariedade no apoio às vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul

Com 10 anos de dedicação ao auxílio de famílias em situação de vulnerabilidade, entidade continua liderando esforços em uma das maiores campanhas de arrecadação de donativos do Estado

Publicado por
18:17 - 16/05/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

Foto: Marcelo Oliveira/Grupo RSCOM

Apesar dos desafios impostos pela triste realidade, a solidariedade tem se revelado um poderoso elo para a população do Rio Grande do Sul, especialmente na reconstrução dos municípios afetados pela catástrofe climática. As fortes chuvas dos últimos dias de abril e primeira quinzena de maio desencadearam desmoronamentos e enchentes e causaram estragos em mais de 440 municípios, resultando em 151 perdas de vidas humanas até o momento.

Com uma década de dedicação a auxiliar famílias em situação de vulnerabilidade, crianças, idosos, animais e moradores de rua, a ONG Nono Giacomelli, de Caxias do Sul, continua liderando esforços em uma das maiores campanhas de arrecadação de donativos para aqueles que mais necessitam. Esta mobilização incansável está direcionada para apoiar os municípios devastados pelas recentes enchentes.

Segundo Shaiane Giacomelli, coordenadora da ONG, a prioridade recai sobre a doação de alimentos. Diariamente, uma equipe se dedica a separar e organizar itens essenciais em cestas básicas, destinadas àqueles que têm condições de cozinhar, e em cestas menores para consumo imediato:

“Já estivemos envolvidos em outras situações de enchentes, como as de Encantado, Vale do Taquari e São Sebastião do Caí. No entanto, esta é uma catástrofe de uma escala muito maior, ultrapassando em muito o que estamos habituados a enfrentar. Diariamente, uma quantidade significativa de recursos é despachada pela ONG, chegando a várias regiões afetadas.

Diferentes pontos de arrecadação

Ela explica que 0 processo de apoio é organizado em etapas. “Primeiramente, priorizamos a distribuição de alimentos e água, concentrando-nos na montagem de kits emergenciais para aqueles que ainda não têm condições de preparar suas próprias refeições. Além disso, providenciamos cestas básicas, pois a demanda por alimentos é constante e expressiva. Contamos com várias bases de recebimento, mas nossa principal está localizada no centro, o que facilita a logística para atender as áreas atingidas“, descreve.

Com várias instalações distribuídas pela cidade, a principal base da ONG fica localizada na Rua Coronel Flores, 603, no bairro São Pelegrino. Além do recebimento de alimentos, a entidade também distribui kits de higiene e limpeza, alimentos para animais, brinquedos e outros itens doados. No momento, não o estoque de roupas está excedente.

Envio aéreo

“Nossa principal central de recebimento de doações está localizada no centro da cidade. Para demandas maiores, contamos com o antigo MartCenter. Além disso, mantemos uma base na Unimed, onde abastecemos helicópteros para áreas de difícil acesso por terra. Graças ao apoio de um grupo de empresários que utilizam aeronaves, podemos entregar suprimentos em diversos locais, conforme as necessidades identificadas”, explica Shaiane. 

Interessados em se tornarem voluntário podem visitar a base localizada na Rua Coronel Flores, 603, no bairro São Pelegrino das 8h às 20h. Além disso, é possível contribuir com a ONG Nono Giacomelli entrando em contato através do Instagram @nonogiacomelli. No perfil, também é disponibilizado a chave Pix para doações em dinheiro.

Donativos. Foto: Marcelo Oliveira/Grupo RSCOM
Donativos. Foto: Marcelo Oliveira/Grupo RSCOM
Espaço da ONG. Foto: Marcelo Oliveira/Grupo RSCOM
Setor de Roupas. Foto: Marcelo Oliveira/Grupo RSCOM

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp