Homem que cometeu duplo homicídio em casa noturna de Caxias do Sul é condenado a 54 anos de prisão

Vitor Daniel Mayer Bopsin e Cristian Osmar Minosi foram julgados nesta quinta (04); Minosi foi absolvido

Publicado por
23:06 - 05/05/2023

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

(Foto: Marcos Cardoso/Grupo RSCOM)

Ocorreu nesta quinta-feira (04) o julgamento dos réus Vitor Daniel Mayer Bopsin e Cristian Osmar Minosi na 1ª Vara Criminal de Caxias do Sul. O ato ocorreu durante 14 horas, sendo que Bopsin foi condenado por 54 anos, 9 meses e 18 dias de prisão. Já Cristian Minosi foi absolvido. A dupla era acusada de matar um segurança de uma boate, identificado como Leandro Brazil Brochado, de 38 anos, e o cliente Marcelo Junior Machado, de 22, no dia 16 de fevereiro de 2020, no bairro Cinquentenário. Na oportunidade também ficaram feridos a tiros outros dois seguranças da boate Enjoy Music Place.

Foi designado para atuar contra os réus o promotor Leonardo Giardin de Souza, pelo Ministério Público. Conforme ele, houve a comprovação de que Vítor Daniel seria o autor de 10 disparos nos arredores da casa noturna. Além disso, conforme o promotor, o homem teria sido expulso da boate pelos seguranças, o qual retornou atirando contra a casa, vitimando os citados e colocando em risco os que estavam na festa.

Absolvição de Cristian Osmar Minosi

O promotor avaliou que a participação de Minosi era dificultosa de entender. Devido a isso, os jurados acabaram por absolvê-lo pela dúvida. Souza explicou que uma decisão dos jurados deve ser seguida e respeitada, exceto quando essa for diferente ao apresentado nas provas do processo, e esse não seria o caso, até porque, o Ministério Público não irá recorrer.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp