Escoteiros recebem Prêmio Caxias do Sul na Câmara Municipal

Evento ocorreu no plenário na noite desta terça (23), data em que é celebrado o dia mundial do escotismo e do santo padroeiro do movimento, São Jorge 

Publicado por
19:26 - 24/04/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Escoteiros recebem Prêmio Caxias do Sul na Câmara Municipal

O Prêmio Caxias reconhece o movimento pelo serviço prestado na educação não-formal de crianças, adolescentes e jovens - (Foto: Marines Bertuol)

A entrega do Prêmio Caxias do Sul ao 16º Distrito Escoteiro do Rio Grande do Sul (RS) ocorreu na noite desta terça (23), no plenário da Câmara Municipal. Com casa cheia, a voz forte dos 11 grupos do distrito retumbou um grito de bravo, por três vezes seguidas, acompanhado de uma palma escoteira, em agradecimento ao legislativo. O Prêmio Caxias reconhece o movimento pelo serviço prestado na educação não-formal de crianças, adolescentes e jovens.

A honraria ao 16º Distrito foi proposta pelo vereador Rafael Bueno (PDT), que se manifestou durante a solenidade, conduzida pela presidente Marisol Santos (PSDB).  A vereadora agradeceu pela participação (cerca de 250 pessoas) e Bueno fez um histórico do movimento no mundo e da atuação dos grupos em Caxias e região. O parlamentar, conhecedor dos princípios escoteiros, por já ter integrado o Grupo Moacara, recordou que foi quem protocolou o projeto que virou lei e instituiu a Semana do Escoteiro em Caxias do Sul (Lei 8.182/2016), celebrada anualmente no período anterior à data de 23 de abril, Dia Mundial do Escoteiro e de São Jorge, considerado o santo padroeiro do escotismo.

“Fui escoteiro e sei a diferença que o escotismo fez na minha vida. É a base para a formação da cidadania e para o cuidado com o meio ambiente. O Brasil precisa cada vez mais de posturas éticas e os grupos de escoteiros instruem para o caminho do bem e transformam vidas”, destacou Bueno.

Conforme o vereador, o movimento foi fundado em 1907 por Baden Powell, na Inglaterra, e se expandiu para outras nações. Por meio da educação não-formal, propaga valores e princípios de solidariedade, honestidade, humanidade e respeito ao próximo e à natureza. Só em solo gaúcho, estão registrados mais de 11,6 mil escoteiros, conforme o Relatório Regional 2023. No 16º Distrito, que abrange Caxias do Sul, Antônio Prado, Ipê, São Marcos e Vacaria, são 1,1 mil participantes. Um deles, que morreu em fevereiro, aos 90 anos, o professor, jornalista e ex-diretor da Câmara, José Ferreira Machado, foi lembrado por Bueno.

O parlamentar e a integrante do 16º Distrito que se pronunciou da tribuna, Carina Florian, citaram frases de Powell, orientando as pessoas a fazerem as coisas com alegria e a proporcionarem felicidade aos outros para que ela retorne a si. Carina citou a composição do 16º Distrito, nominando os 11 grupos que se mobilizam nas programações envolvendo o dia e/ou a Semana do Escoteiro: Amigo Panda, Aracê, Baden Powell, Do Mar Barão de Tefé, Imigrante, Ipê, Moacara, Porteira do Rio Grande, Saint Hilaire, Tabajara e Sentinela da Serra. 

Segundo Carina, o escotismo é dividido em ramos, conforme faixa etária. Cada Ramo busca desenvolver atividades comunitárias em parques, escolas e demais espaços públicos para apresentar as ações desenvolvidas e interagir com a sociedade. São eles: Lobinho (6,5 anos a 10 anos); Escoteiro (11 a 14 anos); Sênior (entre 15 e 17 anos); Pioneiro (a partir dos 18 anos aos 21 anos); e Voluntário (acima de 21 anos).

“Com o mesmo entusiasmo e a alegria de Baden Powell, continuaremos divulgando nossos valores e princípios. Agradecemos este espaço que nos foi concedido e assim firmamos e fortalecemos ainda mais o nosso compromisso com a comunidade em estar sempre alerta para servir e fazer o nosso melhor possível”, enfatizou Carina.

(Foto: Vania Marta Espeiorin)

Coordenador do 16º Distrito Escoteiro do RS, Leandro Batista César se emocionou e disse sentir orgulho de representar os 11 grupos, atribuindo a todos os integrantes o mérito da distinção concedida pelo Legislativo. O Prêmio Caxias do Sul é destinado a pessoas, entidades ou locais que se destacam em serviços prestados à comunidade de Caxias do Sul, nos mais diferentes campos de ação. Em sinal de gratidão pelo envolvimento coletivo, Leandro fez a entrega de uma homenagem a cada um dos 11 grupos de escoteiros do 16º Distrito.

Vice-presidente da Região Escoteira do RS, Ricardo Canevese lembrou da articulação da juventude que, em 2014, fez nascer a Semana Municipal do Escoteiro em Caxias do Sul, a qual, posteriormente, virou lei a partir da proposição de Bueno e serviu de modelo a outras cidades. Entre os jovens caxienses que se mobilizaram, mencionou o jornalista Gabriel Rodrigues (in memoriam), que foi estagiário na Câmara Municipal, e Ivan Bisol.

Ao final da solenidade, o Parlamento caxiense também foi homenageado com uma placa alusiva e um quadro de agradecimento pelo apoio e pelo espaço dado ao escotismo.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp