Empresas Randon passam a se chamar Randoncorp

nova identidade reforça foco no desenvolvimento de soluções sustentáveis para mobilidade

Publicado por
17:51 - 29/04/2023

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Empresas Randon passam a se chamar Randoncorp

Alex Battistel

Em um passo estratégico para se consolidar como companhia multinacional referência em soluções que facilitam a vida das pessoas por meio da mobilidade, as Empresas Randon adotam a partir de agora uma nova identidade: Randoncorp. A apresentação ocorreu nesta sexta-feira (28), na presença da gestão da companhia, acionistas, autoridades e parceiros, em um evento híbrido. Na oportunidade, foram divulgados os Relatórios de Sustentabilidade 2022 da Randoncorp e da Frasle Mobility, com a evolução percorrida nos últimos dois anos, desde a apresentação da Ambição ESG da Companhia. A evolução vem no momento que a Companhia registra recordes em seus 74 anos de história, alcançando mais de R$ 11,2 bilhões de receita líquida consolidada em 2022.

“Chegamos até aqui com reconhecimento internacional pela qualidade de nossas soluções em transporte e logística. Neste processo de evolução contínua, revisitamos práticas e processos, expandimos nossos negócios e portfólios de produtos e serviços, desenvolvemos novas tecnologias disruptivas e buscamos uma atuação ainda mais diversa em países de todos os continentes. Dessa forma, é fundamental construir uma identidade que traduza esse momento e a trilha que queremos construir daqui para frente”, resume o CEO da Randoncorp, Sérgio L. Carvalho.

Randoncorp tem presença global fundamentada na qualidade, na inovação e na ética nos negócios. A sede da Companhia fica em Caxias do Sul e mantém unidades espalhadas por quatro continentes, alcançando mais de 120 países com a comercialização de soluções e reunindo um contingente de mais de 17 mil colaboradores. São mais de 50 operações ao redor do mundo, entre plantas industriais, escritórios comerciais, centros logísticos de distribuição de produtos e laboratórios de inovação e desenvolvimento de novas tecnologias.

“Quanto mais evoluímos, mais aprofundamos nossos compromissos com o meio ambiente, com a sociedade e com uma governança ética e responsável. Recentemente, avançamos em geografias importantes com nossos semirreboques na América do Norte e nossas autopeças no Reino Unido. Aceleramos ações focadas na sustentabilidade, com a execução de um plano de investimentos de R$ 100 milhões, desdobrado até 2030, para geração de energias renováveis, que vão abastecer as unidades industriais ao redor do mundo”, exemplifica Carvalho.

Atuante em cinco verticais de negócios complementares, a Randoncorp mantém liderança na maioria dos mercados em que está presente com seus produtos e serviços. Duas dessas frentes de atuação focam no segmento de autopeças, tanto para aplicação em veículos comerciais, como no controle de movimento de vários tipos de meios de transporte. Entre os componentes fabricados pelas empresas Suspensys, Castertech e as joint-ventures Master e JOST Brasil – com as parceiras Cummins e JOST Werke, respectivamente -, estão suspensões, eixos, cubos, freios e sistemas de frenagem, rodagem e acoplamentos.

Com um portfólio completo de peças para sistemas de frenagem, suspensão, transmissão e direção e materiais de fricção, a Frasle Mobility tem forte presença global e é líder no mercado de reposição de autopeças, por meio de marcas de referência como Fras-le, Fremax, Nakata e Controil. Recentemente, essa unidade controlada do grupo também passou por reposicionamento de marca, acompanhando a evolução e a expansão acelerada vivenciada na última década.

A Randoncorp também atua como montadora e está entre as 10 maiores fabricantes de semirreboques do mundo. Por meio da marca icônica Randon, oferece a mais completa linha de equipamentos para o transporte terrestre de cargas, desde implementos rodoviários a vagões ferroviários. É a única montadora de implementos rodoviários brasileira com unidades fabris no exterior e conta com uma rede nacional e internacional de distribuição espalhada em mais de 175 pontos.

“Nossos compromissos públicos reforçam o papel da sustentabilidade empresarial, expandindo o olhar do pilar econômico para as frentes sociais, ambientais e de governança. O alcance do nosso trabalho também só é possível pela dedicação dos nossos milhares de colaboradores, protagonistas desta história, e que são fundamentais para seguirmos com o nosso propósito de conectar pessoas e riquezas, gerando prosperidade”, reforça o presidente da Randoncorp, Daniel Randon.

Construção da nova marca

O rebranding, assinado pela FutureBrand São Paulo, propõe ao mercado a proximidade necessária para criar relacionamentos sólidos, múltiplos e que provoquem uma atitude visionária a partir do investimento em inovação. As expressões adotadas, por sua vez, equilibram a força de ser uma marca humana, que coloca as pessoas no centro, ao olhar tecnológico, que direciona para o futuro e deixa Randoncorp ainda mais contemporânea. Essa composição se traduz em alguns dos elementos da nova identidade visual, como o tom de azul escolhido e criação de uma fonte gráfica exclusiva para a letra “R”, que simboliza uma Companhia sempre em movimento e aberta às transformações.

“Randoncorp nasce para organizar a arquitetura de marca aproveitando o equity e a força de cada uma das expertises do grupo. Assim, conseguimos juntos preparar a marca para o futuro aprofundando ainda mais a relação do negócio com temas como inovação, tecnologia e sustentabilidade”, explica André Matias, diretor e sócio da FutureBrand São Paulo.

“Para chegar a este resultado trabalhamos muito em conjunto, em contato com cada uma das verticais, com a família, com a estratégia de negócio. Chegar em Randoncorp foi quase uma solução natural e isso foi possível apenas porque trabalhamos com o mesmo norte”, conclui.

Novas posições reforçam governança

O Comitê Executivo da Randoncorp também passa por alterações na composição, que valem a partir do próximo dia 1º de maio. Os três diretores superintendentes atuais e o vice-presidente e Chief Transformation Officer (CTO) assumem o cargo de Chief Operating Officer (COO). Cada um responde por uma vertical de negócios, além de áreas matriciais que atendem vários níveis da corporação: Anderson Pontalti, da vertical Controle de Movimentos/Frasle Mobility; Sandro Trentin, da vertical Montadora; Ricardo Escoboza, da vertical Autopeças; e Daniel M. Ely, da vertical Serviços Financeiros e Digitais. Além disso, o diretor de Tecnologia Avançada de Produto e Manufatura, César Augusto Ferreira, passa a integrar o Comitê, assumindo a função de diretor superintendente da vertical de Tecnologia Avançada.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp