Cinco barragens estão em situação de emergência no Rio Grande do Sul

Entre elas estão a UHE 14 de Julho, entre Cotiporã e Bento Gonçalves, além da São Miguel e do Arroio Barracão, em Bento Gonçalves

Publicado por
13:45 - 09/05/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Cinco barragens estão em situação de emergência no Rio Grande do Sul

UHE 14 de Julho pós rompimento parcial. (Foto: Redes Sociais)

Cinco barragens no Rio Grande do Sul estão em situação de emergência devido às recentes enchentes, conforme informado pelo governo do estado nesta quarta-feira (8). A Secretaria de Meio Ambiente e Infraestrutura alerta para o risco de rompimento dessas estruturas e a necessidade de adotar medidas para salvar vidas.

As barragens nessa situação são as seguintes: Usina Hidrelétrica (UHE) 14 de Julho, entre Cotiporã e Bento Gonçalves; Central Hidrelétrica Salto Forqueta, em São José do Herval e Putinga; São Miguel e do Arroio Barracão, em Bento Gonçalves; e Saturnino de Brito, em São Martinho da Serra.

Na última quinta-feira (2), a UHE 14 de Julho sofreu um rompimento parcial, de acordo com a Companhia Energética Rio das Antas (Ceran), devido ao aumento da vazão do rio, resultando no colapso do trecho direito da barragem. No dia anterior, a Defesa Civil já havia iniciado a evacuação dos moradores próximos à estrutura.

Segundo o Governo do Rio Grande do Sul, as ações de resposta aos possíveis cenários de perigo já estão em andamento.

Confira a atualização

*Com informações de Agência Brasil

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp