Publicada portaria que prevê R$ 25 milhões para construção de quatro piscinões em Caxias do Sul

Município poderá contratar crédito de R$ 23,740 milhões junto à Secretaria do Tesouro Nacional (STN). Obras incluem novas redes de drenagem pluvial. Confira os locais

Publicado por
16:20 - 07/05/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

Foto: Ícaro de Campos

O Prefeito Adiló Didomenico recebeu, na manhã desta terça-feira (07), a notícia da publicação de uma portaria pelo Governo Federal, que contempla a construção de três novos tanques de contenção, conhecidos como piscinões, e a implementação de novas redes de drenagem pluvial em Caxias do Sul.

Essa medida vem após a intensa advocacia realizada pelo prefeito durante sua recente viagem à Brasília, onde ele enfatizou a importância da agilidade na liberação de recursos para obras de infraestrutura na cidade. O pedido de liberação de financiamento, que já estava aprovado há oito meses junto ao BRDE, foi reiterado pelo Prefeito durante o encontro com o secretário Leonardo Picciani, da Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental do Ministério das Cidades.

A eficácia dos piscinões já existentes ficou evidente durante as últimas chuvas, como observado nos bairros Fátima Baixo, São José, Pôr do Sol e Pio X. O Prefeito expressou sua gratidão ao Governo Federal pela medida, destacando a importância dessas obras para mitigar os impactos das chuvas e prevenir alagamentos futuros.

Os quatro novos piscinões estão planejados para os bairros De Lazzer, UCS e dois em Nossa Senhora das Graças, com o objetivo de conter as águas que descem para Galópolis, além de outras canalizações pluviais essenciais. O investimento total para essas obras é de R$ 25 milhões, sendo R$ 23.740.000,00 provenientes de financiamento e uma contrapartida municipal de R$ 1.250.000,00.

Após a publicação da portaria, o município aguarda autorização da Secretaria do Tesouro Nacional (STN) para a contratação da operação de crédito. Uma vez assinada a contratação da operação, prevista para ocorrer em até 30 dias, será possível dar início ao processo de licitação para as obras.

O projeto, inserido no programa Avançar Cidades – Saneamento do Governo Federal, abrange a construção de diversos reservatórios de detenção de águas pluviais e canalizações em diferentes bairros da cidade, visando aprimorar a infraestrutura de drenagem e minimizar os riscos de alagamentos.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp