Fila é registrada na Central de Matrículas para atendimentos nas redes municipal e estadual em Caxias do Sul

Possibilidade de aumento da equipe de atendimento esbarra na limitação do sistema do Estado usado no serviço

Publicado por
10:01 - 19/02/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Fila é registrada na Central de Matrículas para atendimentos nas redes municipal e estadual em Caxias do Sul

Foto: Fabio Carnesella/ Grupo RSCOM

Mais uma vez, uma grande fila está sendo registrada na Central de Matrículas em Caxias do Sul. Assim como em anos anteriores, o retorno das aulas é marcado por grande procura no local para matrículas, rematrículas e transferências nas redes municipal e estadual de ensino. Uma fila quilométrica de pelos menos três quadras foi formada na manhã desta segunda-feira (19) na Rua Ernesto Alves, nas proximidades da Secretaria Municipal de Educação (Smed), na área central.

Daniela de Moraes, coordenadora da Central de Matrículas, explicou em entrevista ao vivo no Bom Dia Trabalhador que as pessoas que estavam na fila perderam o prazo para transferências de 4 a 17 de janeiro. Acrescentou que são dois cenários distintos, quem perdeu a data e quem se mudou recentemente.

De acordo com ela, são nove pessoas atendendo nos guichês, com previsão de 15 minutos para cada atendimento. Cada um deles atende quatro pessoas por hora, totalizando 36 a cada 60 minutos, e 240 atendimentos estimados ao longo de todo o dia. A coordenadora pediu para quem não pegou senha de agendamento não se dirija até a Central nesta segunda-feira. “A gente está aqui pra ajudar e atender as famílias, mas nem sempre a gente consegue fazer o que todos gostariam. Nós sempre tentamos melhorar, mas ainda não conseguimos solução para esse problema“, relatou.

A possibilidade de aumento da equipe de atendimento esbarra na limitação do sistema do Estado usado no serviço. São apenas nove computadores disponibilizados.

Por outro lado, a explicação da coordenadora não foi ao encontro de alguns relatos da fila. Pais relataram que procuraram o serviço ainda no mês de janeiro, mas receberam o agendamento para este dia 19. As ligações não atendidas pelo serviço também foi outra reclamação relatada para a reportagem.

Leia também: Mais de 700 mil alunos retornam às aulas nas 2,3 mil escolas da Rede Estadual

 

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp