Empresário Valter Salvi recebe o título de Cidadão Caxiense

Natural de Garibaldi, Salvi migrou para Caxias do Sul em 1972 e tem participação em diversas atividades como voluntário

Publicado por
08:53 - 19/04/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Empresário Valter Salvi recebe o título de Cidadão Caxiense

Foto: Vania Marta Espeiorin/ Divulgação

Em um discurso breve, o empresário Valter Salvi, 77 anos, expressou ao Legislativo Municipal, à família, aos amigos e a todos que lhe acompanharam até hoje nos trabalhos voluntários desenvolvidos no bairro Desvio Rizzo, um sentimento de gratidão. Ele foi agraciado com o título de Cidadão Caxiense na noite desta quinta-feira (18).

Eu quero agradecer, de coração, primeiro, à família, à minha esposa, que foi maravilhosa, a meus filhos, que batalharam tanto por mim, e a meus netos (todos presentes na sessão solene). Quero dizer a todos: muito obrigado! Tive uma equipe que me ajudou sempre nas batalhas. Obrigado, obrigado a todos! Um beijo no coração de vocês e que Deus nos dê saúde e paz. Era o que eu tinha a dizer a vocês. Muito obrigado!”, manifestou Salvi, da tribuna.

A cerimônia que lhe outorgou o título de Cidadão Caxiense ocorreu no plenário da Câmara. Em seu pronunciamento representando todos os legisladores da Casa, a parlamentar e proponente Gladis Frizzo (PP) discorreu sobre a história de vida de Salvi, que nasceu em Garibaldi, veio para terras caxienses em 1972, era agricultor, depois, metalúrgico, e, com sua visão e experiência, decidiu empreender nesse ramo, tornando-se empresário e dono da Metalúrgica Incomarca, uma fabricante de reboques para veículos. Ao lado do tino empresarial, Gladis destacou com mais ênfase o espírito voluntário de Salvi. Segundo ela, o empresário tem grande amor pelo desvio Rizzo e já fez muito pela comunidade do bairro.

O título de Cidadão Caxiense é um reconhecimento pelos trabalhos realizados pelo empresário em prol da cidade. Consiste em uma honraria a cidadãos que nasceram em outros municípios, mas construíram sua trajetória em Caxias do Sul.

Saiba mais sobre o homenageado

– Valter Geraldo Salvi nasceu no dia 10 de fevereiro de 1947, na Comunidade de São Luiz de Castro, em Garibaldi. Filho de Victorino Salvi e Rosina Tomasi Salvi, estudou até a quinta série. Migrou para Caxias do Sul no ano de 1972. Primeiramente, morou no bairro Pio X e, depois, em 1990, mudou-se para o bairro Desvio Rizzo. Casou-se com Otília Borsoi Salvi, em 1969, e teve dois filhos (Ivan e Edgar) e quatro netos (Luiza, Debora, Ana e Tiago).

– Sua profissão inicial era agricultor. Quando veio morar em Caxias, virou metalúrgico, vindo a trabalhar na Marcenaria Andrade Neves e, anos após, montou a Metalúrgica Incomarca, a qual fazia reboques para veículos.

– No Desvio Rizzo, participou de diversas atividades como voluntário. Morando no Jardim da Lagoa, fez melhorias em todos os canteiros da Rua João Lain (conhecida como Guzic) plantando várias árvores frutíferas e grama, as quais cuida até os dias de hoje. Sempre atuou fortemente nas gincanas, eventos que ajudaram e contribuíram na construção da creche e da unidade de Corpo de Bombeiros do bairro.

– Atua na igreja, participando de um grupo musical-coral, animando as missas da paróquia até os dias atuais. Foi presidente do Salão Paroquial por alguns anos e, além das tarefas do cargo, cuidou da praça da igreja, cultivando flores e embelezando o entorno com paisagismo. Na sua gestão, também foi pintada a igreja do bairro.

Com informações da Assessoria de Imprensa

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp