Durante reunião-almoço, Eduardo Leite anuncia 100 novos policiais militares para Caxias do Sul

Anúncio é uma das medidas que busca diminuir o grande número de homicídios na cidade

Publicado por
16:56 - 15/02/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Durante reunião-almoço, Eduardo Leite anuncia 100 novos policiais militares para Caxias do Sul

Foto: Diego Pereira/ Grupo RSCOM

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB) foi o palestrante da reunião-almoço da Câmara de Indústria, Comércio e Serviços de Caxias do Sul (CIC Caxias) nesta quinta-feira (15). O evento marcou a abertura oficial do calendário da RA em 2024. A competitividade e o futuro do Rio Grande do Sul foram os temas abordados por ele por mais de uma hora. Acompanharam o evento diversas autoridades e representantes políticos.

Em sua fala, Leite citou os desafios enfrentados, ações implantadas e futuros projetos para o Estado. Ao falar sobre segurança pública, anunciou a lotação de 100 novos policiais militares em Caxias do Sul até o mês de agosto para reforçar o efetivo policial. Ele explicou que os profissionais já estão em processo de formação e na sequência serão lotados na cidade. Também apontou esforços extraordinários para Caxias, em função do grande número de homicídios observados no município.

Em contrapartida, os crimes patrimoniais se continua observando redução dos indicadores criminais. O que se observa nos homicídios diz respeito a enfrentamento dos grupos criminosos, aos quais nós vamos dar resposta, pois o bem maior a ser cuidado é o da vida humana. E nós não vamos admitir observar essas execuções de forma inerte. Vamos atuar em curto prazo com realocação de efetivo e no médio prazo teremos a incorporação de forma definitiva de novos 100 policiais militares que estão sendo formados e que vão ser destacados aqui para Caixas do Sul até o início do segundo semestre“, afirmou.

O governador também demonstrou comprometimento com o Aeroporto Regional e lembrou das privatizações e concessões das rodovias gaúchas. Nesse sentido, pontuou sobre a possibilidade do sistema free flow no futuro ser desmembrado em trechos, diminuindo os preços da tarifa, que deixaria de ter valor fixo. Contudo, ressaltou que a possível proposta passaria antes por ampla consulta pública e discussão com a comunidade.

Após palestrar no evento e atender a imprensa, Leite seguiu para os Pavilhões, onde participou da abertura da 34ª edição da Festa da Uva.

 

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp