Lar do Ancião, em Bento Gonçalves, inaugura sistema de calefação

Sistema de aquecimento foi implantado para os idosos através de colaboração coletiva de empresas e pessoas físicas

Publicado por
10:58 - 04/07/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Lar do Ancião, em Bento Gonçalves, inaugura sistema de calefação

Foto: Exata Comunicação/Alessandro Manzoni

A estrutura do Lar do Ancião, em Bento Gonçalves, está passando por uma série de melhorias desde 2022, e uma das mais significativas foi recentemente concluída: a instalação de um sistema de calefação, inaugurado às portas do inverno. O novo sistema de aquecimento, feio por radiadores, que funciona através da queima de pellets, deve proporcionar um ambiente aconchegante e saudável para os idosos atendidos.

O sistema de calefação abrange todos os ambientes da casa, dissipando calor através de dutos para áreas de convivência e quartos, promovendo conforto térmico e bem-estar. Os pellets utilizados são feitos de resíduos de madeira de florestas renováveis, o que contribui para a redução da emissão de poluentes.

“Temos o privilégio, em Bento Gonçalves, de contar com uma comunidade engajada nas mais variadas causas, inclusive na nossa. Só estamos conseguindo oportunizar essa e outras melhorias graças à dedicação desses benfeitores, que mostram o valor da dignidade como um bem comum a todos”, comenta o presidente do Lar do Ancião, Cesar Cini.

A implementação das melhorias foi possível graças a uma rede de parceiros. O projeto contou com a colaboração de oito empresas e de pessoas físicas, que arrecadaram os materiais necessários para as duas fases do projeto. A Smurfit Kappa Foundation, uma das principais fornecedoras de embalagens sustentáveis do mundo, com sede em Dublin na Irlanda, doou mais de R$ 500 mil através de sua fundação para a aquisição dos equipamentos de calefação.

“É gratificante poder apoiar iniciativas como esta nas comunidades em que operamos e poder levar bem estar aos idosos atendidos pelo Lar do Ancião com um sistema de aquecimento sustentável”, comenta Andres Acosta, diretor de Recursos Humanos da Smurfit Kappa Brasil.

Essa fase do projeto também contou com a parceria da Broilo Aquecimentos, que comercializou com preços especiais os itens para o sistema de aquecimento, e da Piomade, responsável pelo fornecimento gratuito dos pellets.

Em uma outra etapa de trabalho, os esforços se concentraram para a construção da casa de máquinas. O próprio Lar do Ancião aplicou recursos próprios para a obra, que contou com o apoio da Fundação WEG e da Lavita Construções. Ambas subsidiaram seus produtos: a primeira contribuiu com 40% dos custos do motor, enquanto a segunda viabilizou o projeto a preço de custo.

O trabalho também contou com os esforços de outras organizações que doaram recursos, além de pessoas físicas. Vicente Tomasi, membro do conselho fiscal do Lar do Ancião, intermediou a consecução de materiais de construção com as empresas Panizzi Construções, Minas Brasil, Beltoni Aços e Ferragens, Olaria Paese e Construbene. Também contribuíram com o projeto Joarez Bandeira e Everson Luiz Pratti Junior, que doou o material elétrico para casa de máquinas e termostatos.

Atualmente, o Lar do Ancião atende a cerca de 40 idosos cujas idades variam dos 65 anos aos 100 anos – a capacidade de acolhimento é de 60 idosos. A equipe que atua na entidade é composta por quase 40 pessoas, sendo metade delas dedicadas aos serviços de saúde, um time composto por psicólogo voluntário, assistente social, enfermeiro, fisioterapeuta e nutricionista, além de técnicos de enfermagem e três cuidadores. A atual diretoria permanecerá na gestão do Lar do Ancião até 2025.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp